Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Melhor Amiga da Barbie

12
Jan19

Receita Sopa Pinkalicious.

Ana Gomes

6358bca80dea3cac876d1320af62052c.jpg

 

 

 

Fico mesmo satisfeita quando coloco uma imagem no stories de um "prato" e me pedem logo a receita. 

E foi o que aconteceu - uma vez mais - a noite passada, com um foto ZERO cuidada, de uma sopa que foi um improviso de algumas coisas que tinha no frigorífico e que tinham de ser cozinhadas. Ficou muitoooo boa! E com uma cor incrível! Super Cor-De-Rosa, uma sopa Pinkalicious como lhe chamei. 

A receita é muito simples e é excelente - também para os mais pequenos - porque pode fazer com que comam duas coisas que nem sempre gostam tanto : couve-flor e beterraba. 

A couve flor é um óptimo alimento, sendo pobre em calorias é rico em anti-oxidantes e tem também vitamina-C ( é muito comum nas dietas anti-cancro ) e tem benefícios para os ossos e músculos por ser rica em potássio! Já a beterraba é das melhores amigas dos vegetarianos, é muito rica em ferro e em zinco. Muitas vezes vemos a beterraba associada a à pressão arterial já que o seu consumo pode ajudar a relaxar os vasos sanguíneos. Estes são só alguns apontamentos breves sobre estes alimentos! Se quiserem ler mais sobre eles é provável que se apaixonem. Mas... também acredito que não tenha sido este o motivo que vos trouxe aqui, foi um a receita de sopa, não é verdade? Vamos a ela!

 

Ingredientes : 

Cebola

Alho Francês

Couve Flor 

Beterraba 

Água 

Azeite 

Sal Marinho 

 

Descascar a beterraba, fatiar e colocar a cozer. Este é talvez o processo mais longo de toda a sopa, podem optar por comprar a beterraba já cozinhada, sendo que o ideal é que não tenha aditivos. De seguida fiz um refogado com uma colher de sopa de azeite, a cebola e o alho francês, enquanto preparava a couve flor. Acrescentei a couve flor ao refogado e envolvi durante uns segundos até cobrir tudo com água e deixei cozinhar. Quando finalmente a beterraba cozeu, desfiz com a varinha mágica, ainda com um pouco de água e juntei à couve flor e ao refogado, ferve durante um minuto e passa-se tudo! Depois é só temperar a gosto, sal marinho, uma pitada de pimenta preta... 

Ao servir sugiro que polvilhem com sementes de abóbora tostadas ou com sementes de cânhamo! E se quiserem servir bonito, podem reservar pedacinhos de beterraba e de couve flor para colocar inteiros no prato. 

Bom apetite.

 

( a foto é do Pinterest, mas fica assim bem rosinha! ). 

13
Dez18

Rubrica RFM - Top 5 - Dicas Para Manter a Forma Durante As Festas.

Ana Gomes

f3907644aa9df395e8b48d5aa87bf4a1.jpg

 

 

Por esta altura já devem ter a vossa agenda em loop com as festividades. O Natal é comunhão e já se sabe... está longe de ser apenas dia 24 e 25, aqueles dois dias lindos que passamos sentados à mesa ou no sofá a decidir o que vamos por no prato. Há toda uma panóplia de lanches, cafés, almoços e brunchs para celebrar a quadra... e se não os conseguimos marcar já em Dezembro, estendem-se até Janeiro "porque temos mesmo de combinar alguma coisa". Reconhecem todo este discurso? Já faz parte da tradição! Mas se querem manter a forma nesta quadra... o conteúdo de hoje é para vocês! :) 

 

 

5 - Não digas que sim a tudo!

Há vários destes "momentos" em que podemos só ir lá beber um café ou fazer companhia. Mesmo fazendo boas escolhas não deixamos de estar constantemente a comer fora e sem qualquer tipo de controlo sobre a forma como os alimentos são preparados, há sempre aquelas entradinhas e aquela garfada na sobremesa! Por isso o melhor mesmo é não dizer que sim a todos os convites! 

 

4 - Começa Por Encher o Prato de Bons Alimentos. 

A refeição deve começar por uma sopa, ou por uma boa dose de proteína, legumes e cereais integrais. Se ficares satisfeito com um prato equilibrado e cheio de nutrientes é provável que acabem por não atacar desenfreadamente aquelas coisas que vos fazem menos bem. 

 

3 - Ter atenção às bebidas. 

Não só porque as ressacas ficam cada vez mais difíceis... mas também porque a quantidade de calorias vazias de nutrientes que ingerimos com cocktails e bebidas alcoólicas ou refrigerantes pode comprometer todo um esforço! Idealmente devem intercalar estas bebidas com água. 

 

2 - Planear! 

Esta dica é importante para ajudar a reduzir o stress associado a esta altura do ano. É o trânsito do Natal, são os compromissos marcados, aquele assunto que ficou por resolver... uma lista infindável de razões para o stress aumentar. E quais as consequências naturais para uma pessoa stressada? Más escolhas alimentares! Por outro lado se conseguires parar para planear podes preparar snacks mais saudáveis para os dias em que há jantares ou almoços de natal. 

 

1 - Permanecer Activo. 

Não desmarques os teus treinos, não desistas daquela caminhada ao final do dia... ou... provavelmente está na hora de fazer download daquela app que ajuda a fazer exercícios em casa. Qualquer coisa serve... menos ficar parado, vale? 

16
Nov18

Cinnamon Rolls - Versão Vegan e Saudável.

Ana Gomes

Um dos meus bolos preferidos é o famoso Cinnamon Roll. 

Os puristas podem-me matar - mas adorava os do IKEA. Acredito que no universo dos hamburgers isto seja tão bizarro como alguém dizer que adora Hamburguers  e os de eleição são os do MacDonalds. 

A verdade é que no meu exemplo, os Cinnamon Rolls não são um bolo super comum de encontrar... talvez o fascínio pelos do IKEA venha exactamente por isso : há sempre... e estão sempre quentinhos. 

 

A grande particularidade deste bolo não é apenas o incrível sabor a canela... é também a forma, as pontinhas mais estaladiças e a massa tão fofa ( e tão cheia do nosso querido glúten... eheheh ). 

 

Há muito tempo que queria tentar fazer o bolo em casa... e provavelmente há uns dois ou três anos teria feito uma versão super normal.... em que a massa levedaria e usaria uma farinha de trigo normalíssima. 

Mas não foi isso que aconteceu! Vamos então à receita, que fica mesmo saborosa! E hey... é vegan! 

9DED1E0D-9EBC-428F-A67B-9A522A921305.jpeg

 

3E138EE2-0B63-4E8D-934A-634A041FF049.jpeg

 

C4DE5992-B192-4914-BF2E-4F389F916687.jpeg

 

Para a Massa : 

2 chávenas e 2/3 de farinha de aveia integral

1 colher de café de fermento

1 colher de café de bicarbonato de sódio

1 colher de chá de vinagre ( para activar o bicarbonato )

1 pitada de sal

1 colher de sopa de açúcar de côco

1 colher de sopa de óleo de côco

1 chávena de leite vegetal morno ( usei de avelã, porque era o que tinha a uso )

 

Juntar uma chávena de farinha de aveia com o fermento, a pitada de sal, o açúcar e o fermento e o bicarbonato de sódio. Misturar com os líquidos ( leite morno, óleo de côco ) , depois ir adicionando colher a colher a restante farinha ( uma chávena e outra mal cheia ) . Amassar até a massa se soltar das bordas da taça, a massa não é uma massa liquida de bolo, fica mais com a textura de pão. Retirar e amassar com as mãos durante uns três minutos : a superfície deve ter farinha de aveia para não colar! 

Agora deixem a massa repousar um pouco enquanto preparam o recheio.

 

Recheio : 

4 Colheres de Sopa de Açúcar de Côco;

1 Colher de Sopa de Canela

1 Colher de Sopa de Avelãs Picadas ( opcional ) 

 

No caso do recheio, basta misturar os dois ingredientes, caso queiram mais doce devem juntar mais açúcar ou mais canela dependendo do objectivo final. 

 

Estender a massa com um rolo em forma de quadrado, pincelar toda a massa com óleo de côco derretido, e espalhar o recheio. Depois basta enrolar - como se fosse uma torta - e cortar com uma faca afiada sem exercer muita pressão sobre o rolo. 

Está pronto a ir ao forno, podem juntar todos os rolinhos para ficar com aspecto de rolo ou podem colocar separadamente - como fiz. 

Levar ao forno pré-aquecido a 180' e cozinhar cerca de 25 minutos. Sim... é mesmo rápido!!! :) 

 

Enquanto iam ao forno, fiz uma espécie de caramelo ( sobrou-me açúcar e canela para o recheio ) e coloquei ao lume com mais um bocadinho de leite de avelã, quando retirei os rolinhos do forno, espalhei o caramelo por cima... deixei arrefecer ligeiramente e deliciei-me com um chá. 

 

Bom Apetite! 

 

 

Componente 1

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Playlist Spotify

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D