Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Melhor Amiga da Barbie

03
Out19

Rubrica RFM - Top 5 - Dicas Para Uma Casa Que Melhore o Bem-Estar.

Ana Gomes

370b4d31664fd7dcc3b31cbc69fd25e8.jpg

 

 

 

A energia das nossas casas e a forma como nos fazem sentir é fundamental para o nosso bem-estar. Regra geral já são - por definição - o nosso porto de abrigo e o local onde acabamos por nos sentir confortáveis e seguros mas... e se vos disser que há pequenas coisas que podemos mudar para que transformem a nossa energia em algo ainda mais especial! 

 

5  - Incorporar Elementos da Natureza. 

As plantas - por exemplo - são uma excelente opção. Mas as reais, vamos esquecer as de plástico! :) Plantas naturais ajudam-nos a estar literalmente mais próximos de um ambiente saudável e ajudam-nos a sentir-nos mais calmos. 

 

4 - Ter elementos artísticos. 

As peças de arte em casa são uma forma de lhe atribuir alguns elementos do nosso gosto e personalidade e ao mesmo tempo de trabalhar as nossas emoções, pela proximidade a cores, texturas e outros elementos dos objectos artísticos. 

 

3 - Evitar Trabalhar nas Zonas de Descanso ou Lazer. 

Por vezes levamos pequenos emails ou chamadas de trabalho para o sofá ou até mesmo para a cama. É importante respeitar cada espaço e não confundir a sua função. Desta forma podemos efectivamente usufruir e relaxar. 

 

2 - Usar Luz Natural. 

A importância da iluminação das nossas casas é mesmo fulcral, durante o dia o melhor mesmo é recorrer a luz natural e na passagem para a luz artificial o ideal será ir transitando de luzes brancas para tons mais amarelos - de preferência com dimmers - por forma a ir criando um ambiente mais propicio ao descanso. 

 

1 - Cultivar momentos felizes. 

Recebendo pessoas em casa, associando o espaço a momentos de alegria, ou - na impossibilidade de receber pessoas em casa de forma confortável - juntar algumas fotos ou referências de coisas que nos dão prazer e nos fazem sorrir e usá-las como elementos decorativos! 

27
Jun18

Ouvir o nosso corpo.

Ana Gomes

 

2F8340C4-8020-4C39-97B4-7AD1DC4D1E5A.jpeg

 

 

 

Há muito muito muitoooooo tempo atrás falei aqui abertamente sobre as minhas crises de pânico e de ansiedade. 

Já houve várias alturas em que me apeteceu sentar-me aqui a falar disto convosco novamente. Acima de tudo porque de certa forma consegui dar a volta por cima e sei como é importante ver uma luz ao fundo do túnel quando tudo nos parece tão complicado e difícil. 

Nao sei porque é que acabo por não o fazer. Mas a verdade é que não o fiz! Também não é propriamente esse o foco do texto que estou a escr ever agora. 

Ontem partilhei - em modo instastories - que me sentia com pouca energia e força de vontade. É nestas situações sou visitada por aquele fantasminha que viveu comigo durante tantos anos e só penso que não quero ficar de novo em baixo. Que não me quero deixar arrastar mais uma vez para uma espiral tão complexa. 

Não quero recorrer a fármacos ( também não sinto que seja já caso para tanto ) mas quero saber que consigo voltar a ter energia e motivação.  

A melhor coisa que todo o processo do passado me ensinou foi isto : é importante ouvir o nosso corpo e é preciso respeitar a nossa falta de energia. O que quero com isto dizer não é que nós devemos fechar ou isolar por tempo indeterminado. Nada disso. Acho que devemos é descansar o suficiente - ou o possível - para voltar a ganhar fôlego. Cancelar alguns planos, pedir mais tempo para algumas coisas e fazer escolhas. 

Mais uma vez eu não estava a saber selecionar e o meu corpo está-me a dar vários sinais de que é preciso abrandar.

respirar fundo. Bem fundo. E depois... continuar. :) 

Componente 1

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Playlist Spotify

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D