Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Melhor Amiga da Barbie

Sobre o tempo e o "valor" de um pequeno-almoço.

28.06.17 | Ana Gomes

SAM_1110.JPG

Se há coisa que valorizo cada vez mais é o tempo. 

E se é um luxo e um amor sem fim ter um bébe ao colo e no miminho... também é um luxo ter 10 ou 15 minutos de sossego em que podemos voltar a ter tempo para nós. 

 

É raro o momento de refeição que coincide com um período em que ela dorme, mas quando isso acontece tento sempre ou aproveitar o momento ou... preparar alguma coisa com mais tempo. 

 

E há uma refeição que eu VENERO que é o pequeno-almoço. Posso comer qualquer coisa a correr à hora de almoço... posso jantar uma sopa enquanto trato de alguma coisa, mas adoro aproveitar o momento do pequeno-almoço e prefiro adiar um bocadinho o momento se a opção que tenho é comer a correr. 

Aqui em casa dos meus pais - onde estou temporariamente até ao final das obras - tenho a sorte tremenda de ter um jardim óptimo e há dias em que me concedo esse privilégio : 10 minutos para preparar a mesa e o pequeno-almoço e mais 10 minutos para aproveitar : um livro, um copo de chá e mastigar a comida com calma ( isso por si só é terapêutico e deveria ser regra e não excepção ). 

 

Já o conteúdos dos pequenos-almoços varia muito... se tenho panquecas preparadas ( e congeladas ) aqueço-as na frigideira, se percebo que o tempo que tenho é curto opto por um iogurte ou leite vegetal com granola... mas quando percebo que vou ter mais um bocadinho faço algo deste género : 

 

SAM_1106.JPG

 

SAM_1113.JPG

 

SAM_1116.JPG

 

 

Adoro ovos escalfados! São um guilty pleasure muito saudável e por isso não me inibo de os incluir em algumas refeições semanais. E foi isso mesmo que fiz : um ovo escalfado ( colocar o ovo numa taça pequena,  temperar  o ovo, tapar com película aderente ou com um pires, levar ao microondas cerca de 1 minuto - o ideal é controlar para não deixar cozinhar a gema ) , morangos biológicos, um frasco de manteiga de amêndoa, chá de menta, queijo biológico e uma fatia generosa deste pão inacreditável que descobri no LIDL. É um pão com sementes de chia o que o torna super crocante... a textura é mesmo impressionante e o pão tem um sabor óptimo! 

 

Sobre os livros: ando a saltitar entre vários temas, desde livros sobre bebés a livros de receitas... passando por um livro que queria ler de uma assentada mas que me vai faltando o tempo: Aulas de Literatura do Cortázar. 

 

 

2 comentários

Comentar post