Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Melhor Amiga da Barbie

26
Jul19

Sugestão para as férias : piquenique!

Ana Gomes

Há uns meses que organizo um evento numa Quinta Municipal aqui perto de casa, nunca é muito prático que a Vi vá comigo, já que sou eu e outra pessoa que montamos todo o evento e que estamos responsáveis por toda a gente, mas na última edição não tive alternativa, e lá foi a Vi ajudar. Ok... "ajudar".  Mas não foi tão terrível como imaginei que poderia ser. 

Acontece que reparei que ela achou piada a toda aquela dinâmica, quis se sentar na toalha do piquenique, quis ajudar - à sua maneira - a recolher o lixo e a montar alguns espaços, e claro que isso me deixou um bocadinho babada e me deu uma ideia... A verdade é que acaba por ser um bocadinho desafiante arranjar programas diferentes com os miúdos, que não sejam uma fortuna e que sejam viáveis, com o aproximar das férias escolares (no nosso caso a escola fecha durante o mês de Agosto), e saí de lá com o plano de fazer uns quantos piqueniques este Verão com a minha mini ajudante. 

O tempo não tem estado assim espectacular - se bem que aparentemente tudo vai mudar esta semana - mas confesso que com muito calor também fica mais difícil! A semana passada coloquei uma cestinha gira no carro, a toalha de piquenique e fui buscá-la à escola com a promessa de uma surpresa. Fruta fresca, galetes, frutos secos, água Luso com sumo de fruta - Luso Fruta - e iogurtes e lá fomos nós. Escolhemos estas águas porque não tem qualquer tipo de edulcorantes ou conservantes e são mesmo só Água de Luso com sumo de frutas! Como sabem aqui em casa gostamos mesmo de simplificar! É a melhor forma de conseguir encaixar planos divertidos no nosso dia-a-dia, e somos iguais com a comida (e neste caso bebida).  Estivemos por ali mais ou menos uma hora, num parque que fica mesmo pertinho da escola dela e passei o resto da tarde a ouvir a palavra "kinike", vulgo piquenique, sempre que via comida por perto. Acho que estas pequenas alterações na rotina são mesmo coisas que lhes ficam na memória. Pelo menos... por uns dias ;) A primeira experiência correu bem e acho que até Outubro vamos ter muitooooos momentos deste género, pegar no lanche, acrescentar mais duas ou três coisas e ir para debaixo da sombra de uma árvore. 

E75014F0-2279-4F5A-AC49-3CBCCB714593.jpeg

 

 

 

18
Jul19

Rubrica RFM - Top 5 - Tendências Verão 2019.

Ana Gomes

O Verão anda tímido, ou teimoso, ou chateado... qualquer que seja o adjectivo, não gostamos! E até tenho algum receio de anunciar que é mesmo agora que ele vai chegar, mas hey... parece que é desta!! :) 

Por isso hoje venho-vos falar das principais tendências para este Verão e não vamos falar só de estilo mas é por aí que vamos começar! 

cb0b050b55a5f70f061e5da0c410fea9.jpg

 

5 - Panamás. 

Esqueçam os turbantes, os lenços e os bonés. ( ou não esqueçam se esta for a vossa forma eleita de se protegerem ) mas este Verão a grande tendência são os panamás. Isso mesmo... até para adultos! A grande vantagem? Pescoço, cabeça e rosto protegidos! 

 

4 - Adeus Palhinhas e Garrafas de Plástico. 

Bebam muitos líquidos, já que esta é uma recomendação fulcral para os dias de calor, mas esqueçam as garrafas de plástico e as palhinhas. Felizmente esta regra está mais e mais entrosada no nosso pensamento e já é muito comum encontrar alternativas de vidro, bambu ou metal com muita facilidade! 

 

3 - Brilhos, Brilhos, Brilhos! 

É uma glitter party! Quer nos acessórios ( ganchos para o cabelo ou brincos ), quer nas peças de roupa, os brilhos - lantejoulas ou similares - são uma grande tendência deste verão, quase como uma forma de iluminar estes dias cinzentos que temos vivido! 

 

2 - Apostar em tecidos sustentáveis. 

A maioria das marcas está a lançar colecções com algodões organicos, bambu ou fibra de canhamo entre outros materiais mais amigos do ambiente. Inclusive toalhas de praia e bolsas para que toda a experiência seja mais sustentável. 

 

1 - Reutilizar.

A ideia está a surgir lentamente e está a ser encabeçada pelas principais trendsetters. Usar o mesmo vestido em várias cerimónias, dar um novo uso aos acessórios, escolher menos peças e investir em materiais de qualidade. 

 

É caso para dizer que há motivos mais do que suficientes para termos orgulho nas tendências deste Verão! :) 

 

 

 

11
Jul19

Rubrica RFM - Top 5 - Dicas Para Festivais de Verão.

Ana Gomes

77f4ca3e00fa69faca2fec6e4607cef4.jpg

 

 

 

 

A época dos Festivais de Verão já arrancou e não podia deixar de partilhar convosco algumas dicas para que a aproveitem da melhor forma! Porque hoje em dia estes eventos são muito mais do que música...fiquem ligados a este TOP para uma experiência maravilhosa de festival! 

 

5 - Consultar O Programa Completo do Festival : 

Como disse, hoje em dia os festivais são muito mais do que concertos. Regra geral o acesso aos horários das bandas é fácil, mas vale a pena explorar um bocadinho melhor a programação e o cartaz completo, há bandas emergentes em palcos pequenos, marcas portuguesas que se apresentem em mercados ou lojas nos espaços comerciais e novos conceitos alimentares para explorar! É uma óptima forma de aproveitar o bilhete! 

 

4 - Seguir Tendências? 

Bem... esta dica com ponto de interrogação não é uma gralha, é mesmo assim... porque é questionável! Podemos querer abraçar as principais tendências e aproveitar para brincar um pouco com o nosso look e diria que os festivais de verão são um óptimo local para o fazer! Mas também podemos querer pura e simplesmente não pensar nisso e aproveitar o festival. Acho que qualquer uma das ideias é perfeita! E em qualquer dos casos o melhor conselho que vos posso dar é : escolham opções confortáveis! É expectável que andem várias horas a pé e que dancem muito por isso o conforto é mesmo a escolha certa! 

 

3 - Organizar as Apps do Telemóvel : 

Ter a certeza que todas as aplicações estão operacionais, sabemos que hoje em dia podemos fazer praticamente tudo a partir do telemóvel, mas também sabemos que algumas vezes nos esquecemos de uma actualização qualquer que nos dificulta a vida em caso de urgência. 

 

2 - Protecção Solar e Casaco : 

Quase parece um contra-senso mas é possível que fiquemos bastante tempo dentro do recinto, especialmente se quisermos mesmo aproveitar TUDO! No final do dia pode ficar fresquinho e durante a tarde sol não tem dado tréguas! 

 

1 - Power On! 

Na maioria dos festivais já existem pontos para carregamento de dispositivos electrónico. Mas nada melhor do que levar um powerbank daqueles mais leves para uma emergência! Ninguém quer perder a oportunidade de tirar uma foto incrivel ou... ligar aos amigos para os encontrar. 

 

 

 

 

 

08
Jul19

Rubrica RFM - Top 5 - Ingredientes Para Melhorar o Pequeno-Almoço.

Ana Gomes

diy-banana.jpg

 

 

 

Hoje em dia já se discute se o pequeno-almoço é ou não a mais importante refeição do dia. Para mim é. Mas esta opinião também se pode dever aquele detalhe particular... acordo sempre com fome! SEMPRE. 

Depois há mil desculpas para fazer desta refeição uma das mais equilibradas do dia... sendo que geralmente a falta de tempo é a mais frequente justificação. 

Vamos tentar fazer do pequeno-almoço, um super pequeno-almoço? 

 

5 - Adicionar Flocos de Aveia aos Sumos de Fruta. 

No Brasil isto tem um nome : vitamina! Basicamente sempre que escolherem começar o dia com um sumo de fruta, coloquem alguns flocos de aveia na blender. O resultado será um sumo mais espesso, mais saciante e ao mesmo tempo mais equilibrado, já que a aveia atrasa a metabolização do açucar. 

 

4 - Escolher Manteigas de Frutos Secos. 

Uma óptima alternativa à tradicional manteiga, são as manteigas de frutos secos ( atenção aos ingredientes, idealmente deverão ser compostas apenas pelo próprio fruto, sem oleos ou açucares adicionados ). Esta opção é muito rica em proteína e em sabor! E dá para fazer uma série de combinações que até dispensam o pão, caso não queiram começar o dia sempre da mesma forma! 

 

3 - Boost de Energia com Guaraná. 

Se não adoram café, ou se querem reduzir a quantidade, podem começar o dia com uma colher de café de guaraná misturado com água ou diluído num iogurte ou sumo! ENERGIA garantida :) 

 

2 - Vegetais! 

As recomendações - no que à ingestão de frutas e vegetais diz respeito - são de 5 porções por dia. E que tal começar logo na primeira refeição? Podem incluir espinafres na vossa omelete, folhas de alface no vosso sumo de frutas, saltear couve kale com frutos secos... enfim, muitas estratégias para incluir alimentos poderosos na primeira refeição power do dia! 

 

1 - Burrito com sobras! 

Se há sobras do jantar do dia anterior, ou coisas a terminar no frigorífico, porque não pegar num pedaço de tortilha ou wrap e enrolar esses restos, numa versão perfeita, e salgada de pequeno-almoço rápido e transportável! 

27
Jun19

Rubrica RFM - Top 5 - Como Melhorar o Desempenho do Nosso Cérebro.

Ana Gomes

Já sabem que o meu objectivo com esta rubrica é sempre trazer ideias positivas. Mas por vezes - como é o caso de hoje - é necessário lançar o alerta para depois sim, termos as boas noticias! Muitos dos comportamentos que temos de forma inconsciente contribuem para uma degeneração precoce do nosso cérebro, acontece que muitas vezes quando damos por isso é tarde demais. Devemo-nos preocupar com a nossa saúde e bem-estar ANTES de ficarmos doentes! Por isso hoje partilho convosco 5 dicas essenciais para manterem uma boa relação com o vosso cérebro! 

 

NEW-WOLKIN.jpg

 

5 - Relacionar-se. 

Termos relações positivas - porque naturalmente que aquelas que nos angustiam também nos dão , literalmente, cabo da cabeça. Relacionarmo-nos com pessoas que nos fazem sentir bem, e também com pessoas diferentes que nos obrigam a reflectir sobre vários assuntos e a pensar em várias perspectivas. Uma espécie de ginástica de temáticas. 

 

4 - Estudar. 

Não significa necessariamente fazer cursos. Mas sim, aprender sobre várias coisas. Procurar várias áreas de interesse e pesquisar, ler e tentar aprender sobre isso. Mantermo-nos curiosos e interessados sobre várias coisas é bastante estimulante para o cérebro. 

 

3 - Alimentação e Hidratação. 

Erradamente - e de uma forma completamente genérica - quando realmente pensamos em comida, geralmente estamos a pensar em calorias ou em coisas que nos fazem ganhar peso ou são "pecados". Raras vezes pensamos realmente em nutrientes e como são fulcrais para o funcionamento de certos órgãos: cereais integrais, frutos secos, alimentos ricos em ómega 3 e bagas são bons exemplos. Também há marcadores que indicam que beber pouca água acaba por desacelerar as funções cerebrais. not good! 

 

2 - Mudar a Perspectiva.

Não só sobre assuntos mas literalmente mudar a perspectiva de algumas coisas. Ler uma mensagem como telefone ao contrário, virar algumas imagens de cabeça para baixo, tentar escrever com a mão que não é dominante. Pequenas alterações que obrigarão o nosso cérebro a esforçar-se um pouco mais. 

 

1 - Rir!

Dizem que rir é o melhor remédio e pode mesmo ser! Neste caso estimula várias áreas do cérebro e é um inibidor de stress que, como podemos entender, contribui muito pouco para a nossa saúde cerebral. 

 

 

 

 

25
Jun19

Receita Hambúrgueres De Grão.

Ana Gomes

Já faz tempo que não partilho aqui receitas. Aliás... Tenho aqui umas pendentes de uma série de coisas que fiz com agrião. Mas entretanto partilhei nuns stories do instagram uma solução rápida para quem quer ter refeições saudáveis sempre disponíveis e recebi tantas mensagens a pedir a receita, que achei mais sensato sentar-me rapidamente no computador, enquanto bebo um chá - estou na missão de reduzir o café - e como uma fatia de uns bolos bem saudáveis da Baransu ( óptima opção vegan para quem não gosta de comer coisas muito doces ). 

37835B17-9E58-4343-832D-CE5141130F82.jpeg

 

359F212D-13B9-4BC0-9B3B-1053591B6E31.jpeg

 

Vamos então à minha receita dos hambúrguer de grão. Como todas as receitas que vou fazendo há uma óptima dose de improviso. Mas gostava de começar por partilhar esta dica económica convosco, pelo menos uma vez por semana cozinho leguminosas, compro secas, demolho com alga kombu durante a noite e depois coloco no tacho. fácil e económico. Uma parte uso no dia para o jantar ( neste caso transformei o grão em hambúrgueres ) e o restante congelo assim mesmo cozinhado. 

 

Ingredientes  

Grão Cozido ( usei cerca de 500gr )

1 Cebola

3 dentes de Alho 

4 Cenouras médias raladas 

1 Chávena de Espinafres Crus ( opcional )

Meia Chávena de Farinha de Linhaça

Meia Chávena de Farinha de Aveia Temperada com Alho em Pó, Sal e Paprika

Especiarias a gosto

Sal e Pimenta

 

Colocar todos os ingredientes num processador, à excepção da farinha de aveia e metade da cenoura ralada, e processar até formar uma pasta. Neste momento devem provar para ajustar os temperos e adicionar um pouco de agua - se necessário - no entanto devem ficar uma pasta moldável! Com a ajuda de duas colheres ou com as mãos, formar hamburguers e passar pela mistura da farinha de aveia com a restante cenoura ralada, como se de uma mistura de pão se tratasse. Depois vai ao forno, até dourar de ambos os lados, ou podem fazê-los na frigideira com um pouco de azeite. 

Os espinafres são opcionais e podem ser uma boa opção para introduzir alguns verdes mais complicados para os miúdos, mas também podem colocar beterraba cozida ( que dá uma linda versão rosa ). Relativamente aos temperos, gosto muito de colocar cominhos. Geralmente coloco muito pouco sal de inicio, para separar alguns hamburguers para a Vi e rectifico os temperos de seguida! :) 

 

Depois preparei um guacamole, que serviu de "mayonese" para estes veganburgers. Um abacate grande maduro, sumo de limão, 2 dentes de alho pequenos, sal e pimenta e tomate. Processador e está feito! :) 

 

O que sobrar dos hamburguers pode ser congelado e utilizado posteriormente! <3 

 

 

 

20
Jun19

Rubrica RFM - TOP 5 - Dicas Para Combater o Aquecimento Global.

Ana Gomes

4aecde0edf6a8dc4160394a71690acb5.jpg

 

 

 

Esta semana a divulgação da capa da TIME chamou-nos a atenção. Não só por ter uma figura portuguesa na capa, mas também por se focar numa das principais problemáticas deste século : O Aquecimento Global. 

As reacções foram unânimes, partilhas, questões... mas no final do dia, há alguma coisa que possamos fazer para tentar minimizar a situação? Sim, há! Muitas dessas coisas já foram aqui faladas nesta rubrica, mas não necessariamente associadas ao Aquecimento Global e às alterações climatéricas. 

 

Hoje partilhamos convosco 5 dicas simples, 5 mudanças que podem fazer já! E façam-nas, pelo planeta, que no final do dia somos todos nós. 

 

5 - Escolher Electrodomésticos com boa eficiência energética. 

Quando nos dirigimos a uma superfície comercial os electrodomésticos estão marcados com a classe energética. E regra geral os mais económicos são também aqueles que têm um preço mais convidativo. O investimento inicial é menor, mas o gasto com energia é maior, o que acaba por encarecer o produto a longo prazo. E claro : consecutivamente, mais gasto energético significa mais impacto no planeta. 

 

4 - Reparar em Vez de Trocar. 

Quantas coisas estragadas temos em casa e substituímos antes de reparar? Cada vez mais a sociedade sugere que façamos as coisas desta forma. É mais rápido e causa menos transtorno. Isto aplica-se a quase todos os objectos com que nos relacionamos. O tempo que usamos a reparar acaba por ser considerado um desperdício, mas a verdade é que reparar em vez de deitar fora, diminui não só o impacto ecológico como o reduz o novo consumo ( e tudo o que isso implica ). 

 

3 - Reduzir o Consumo de Carne. 

Não sugiro que se tornem vegetarianos se não se identificarem com esta corrente alimentar. Mas os dados são gritantes e foram disponibilizados pela Organização Mundial de Saúde, consumimos muito mais carne do que aquela que produzida de forma natural, acresce ainda a quantidade de gases emitidos para a atmosfera associados ao processo de produção e consumo. Assim variar as refeições e as fontes de proteína é uma óptima forma de começar a ajudar o planeta. 

 

 

2 - Utilizar ao Máximo a Iluminação Natural e Desligar as Luzes.

Gestos simples como trocar as lâmpadas de casa por opções mais amigas do ambiente, desligar as luzes nas divisões que não estão a ser utilizadas e escolher extensões com opção de desligar todos os aparelhos da corrente, são pequenas acções que podemos melhorar no nosso dia-a-dia. Cada ponto de luz faz diferença, todos os dias! 

 

1 - Reduzir, Reciclar e Reutilizar. 

E acima de tudo ser um exemplo para os mais pequeninos, as coisas que fazemos desde sempre e são parte da nossa rotina, mantêm-se de forma natural. Assim, se ensinarmos desde cedo os miúdos a reciclar e a cuidar do planeta, este tipo de conselhos passará a ser uma forma natural de estar na vida! :) 

 

 

 

18
Jun19

Formação Yoga Para Bebés e Crianças - Yoga Family.

Ana Gomes

CE87D27E-AE1A-49D3-A53E-9FC11A5CF0C9.jpeg

 

11194D28-2E18-48F8-B4A7-0B6DEC5DFCDF.jpeg

 

D71C64F6-8074-495D-AD0D-25A7ED1FB4AD.jpeg

 

Uma das melhores decisões que fiz o ano passado foi voltar a investir em formação. 

Não é que ligue a titulos, ou a diplomas, mas adoro aprender. Sobretudo : gosto de conhecer outras pessoas com os mesmos interesses que eu. Adoro o processo de crescimento, de descoberta, a partilha de experiências. Enfim : acho sempre que o que aprendemos na formação é complementado com o que absorvemos das pessoas com quem temos o prazer de partilhar a experiência. Isto pode nem sempre ter um reflexo positivo : não temos de nos identificar com toda a gente. Mas alguma coisa aprendemos sempre. Sempre! :) 

 

Depois de vários anos a adiar a matricula, acabei por me inscrever no curso de Health Coaching do Institute For Integrative Nutrition,  durante todo o processo somos muito motivados a procurar outras áreas de interesse complementar. E foi nessa altura que achei que o curso de Yoga poderia ser uma boa escolha para mim, pratico Yoga há muitos anos, vivo de acordo com vários principios associados à prática e sei quão transformador pode ser. Em todo o caso, nesse momento da minha vida, estava mais virada para a alimentação associada às familias ( principalmente crianças )  e por isso comecei a procurar cursos de Yoga para Bebés. Pesquisei algumas escolas e contactei três, sendo que a Yoga Family - dirigida pela Filipa, uma mulher fascinante - foi aquela que mais me fez sentido : tinha um curso a começar em breve e um detalhe diferenciador : depois do meu primeiro contacto a Filipa ligou-me passado pouco tempo e falámos durante muitoooo tempo. Quando digo imenso tempo, digo que falámos mais de uma hora. A Filipa explicou-me tudo sobre o curso, pediu-me que falasse um pouco sobre mim, falámos sobre ela (  e sobre o seu percurso impressionante ) e decidi que aquele era o meu caminho. A Filipa também achou que era. E deixou-me logo a nota : mesmo que eu não viesse a ser professora de Yoga para crianças, numa sala de aula fechada, eu iria levar aqueles ensinamentos e transformar a vida de outras pessoas. Era um porta de entrada, e era ela que me estava a mostrar onde ficava. 

 

Seguiram-se várias horas intensas de formação, e um grupo fora de série, com quem ainda hoje mantenho contacto. Nunca tive o objectivo primário de dar aulas, apesar de já o ter feito, mas aquilo que aprendi naquela sala foi transformador a vários níveis. Passei a pensar e a encarar a maternidade de outra forma, o papel transformador que as várias terapias podem ter nos bebés ( nomeadamente o conforto fisico depois de diferentes tipos de parto ) , a importância da Shantala e da reflexologia. Como as diferentes posturas de Yoga pode melhorar o comportamento das crianças, como a forma como se expressam e se comportam podem dizer tanto sobre traumas... enfim! Um mundo. Um mundo de conhecimento que parece ser infinito e que a Filipa domina, como parece dominar o conhecimento sobre o "outro". Ao mesmo tempo que aprendiamos e absorviamos conhecimento, parece que nos descobriamos, com a ajuda da Filipa, sempre tão perspicaz e sensível. 

 

Acho que o Mestre acaba sempre por moldar a forma como pensamos na prática. E esta formação foi mais que um manual ( super útil e completo, by the way ). foi também toda a partilha, todos os momentos em que interagimos com o grupo e com os nossos receios, medos e inseguranças. 

 

Filipa, Obrigada pela tua partilha. Por seres um poço de Amor e conhecimento. E que nos permitas aprender sempre tanto contigo. Com toda a tua dose saudável de loucura e humor! NAMASTÉ! 

 

 

Componente 1

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Playlist Spotify

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D