Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Melhor Amiga da Barbie

Traumas Carnavalescos

09.02.13 | Ana Gomes
Hoje os meus pais perguntaram " Então foliona, esta ano não há Carnaval?"

Erm... Pois... Não.

Quer dizer. Há Carnaval claro. Mas para mim não.



Lembro-me de várias máscaras. Mas as que ficaram na memória foram sem dúvida as mais traumáticas.

1# - Desfile da escola - tema livre - a minha mãe dedica-se afincadamente a compor o meu fato de Emilia. E quem raio era a Emilia? Pois... nem eu, nem nenhuma das pessoas/colegas estávamos na posse dessa informação. Pelos vistos era uma personagem do "Sitio do Pica-Pau Amarelo". Facto que vim a confirmar anos mais tarde pela internet. Encarnei, pois, com enfado o papel de boneca de trapos.



2# - Desfile no Teatro - tema livre - a minha mãe terá percebido que dedicar-se afincadamente a compor um fato era desnecessário. Toca de me levar a uma loja de máscaras e... enfiar-me num fato de galinha. Frio não passei. Sentia-me super feliz porque à minha volta todos se riam... Quando percebi que se riam DE MIM, choquei um ovo e quis ir embora.



3# - Desfile da Escola - tema livre - se o ano passado foste um bicho felpudo, este ano vamos ao carrefour e compramos-te a máscara que quiseres. Quis ser a Branca de Neve. Correu super bem. Vesti-me em 30 segundos. A minha mãe perdeu uns 30 minutos para me conseguir maquilhar e 3 dias para me tirar tudo da cara.



4# - Carnaval de Torres Vedras - muitos anos volvidos de carnavais relativamente animados, o telefone toca e é obrigatório irmos para Torres, mesmo que já lá tenhamos estado Sexta e Sábado... seja domingo e esteja a chover. Digo : Não tenho máscara. Respondem : Improvisa. Passado 10 minutos buzinas à porta de casa, eu com uma fita no cabelo, uns óculos escuros e um casaco muito 50's. O que podia correr mal? TUDO! Todo o folião de Torres Vedras entendeu que eu era um homem vestido de mulher... e toca de apalpar tudo e puxar os cabelos "porque esta peruca é muita fixe!!!".



E assim me mascarei pela última vez.

(as festas do lux não contam...!)


5 comentários

Comentar post