Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Melhor Amiga da Barbie

30
Mai19

Rubrica RFM - Top 5 - Dicas Para Sobreviver Á Época dos Casamentos.

Ana Gomes

e6e5d211bd0ba1bdcbc171fced975139.jpg

 

 

 

Por esta altura começa aquela que é oficialmente a época dos casamentos. E parece que a "moda" dos casamentos voltou o que é duplamente maravilhoso : celebra-se o amor e... há mais uma festa. Acontece que por vezes isto transforma-se numa dor de cabeça para os convidados, e fica complicado "sobreviver" a esta época. Deixo-vos 5 dicas para aproveitar e descomplicar!

 

5 - Roupa - alugar, dividir, re-aproveitar. 

Hoje em dia - e com as redes sociais - é especialmente difícil repetir um vestido num casamento. Não que isso seja um problema - e já agora é algo que me veria totalmente a fazer - mas compreendo que possa ser uma questão para algumas pessoas. Mas todos sabemos que nos custa a ideia de fazer um investimento muito grande numa peça que provavelmente não vamos usar com tanta frequência, e ao mesmo tempo receamos ir a uma loja de fast-fashion e ser uma das 5 pessoas vestidas de igual. O ideal será mesmo alugar um vestido, ou pedir emprestado a alguma amiga que tenha ido recentemente a outro casamento, ou que tenha um guarda-roupa cheio de pinta! 

 

4 - Ser Especifico Em Relação ao Presente. 

Há uns anos as listas de casamento eram muito comuns, tudo era necessário para começar uma vida a dois e os casamentos eram uma óptima forma de se conseguir juntar alguma parafernália. Hoje em dia as listas de casamentos caíram em desuso, mas certamente existem alternativas ao envelope com dinheiro. Falem directamente com os noivos e procurem saber se existe alguma coisa a que tenham mais acesso e que possa ser um óptimo presente. 

 

3 - Decidir em Consciência: Ir ou Não Ir ? 

A melhor forma de resolver a questão é esta : se fossem vocês a casar, aquele casal faria parte dos convidados? Sabendo que casar é caro, e que muitas vezes também é bastante dispendioso para os convidados, dizer que não vamos ou não podemos ir pode não ser uma má decisão. Em todo o caso, importa respeitar e agradecer o convite. 

 

2 - Viagem e alojamento. 

Procurem um grupo de pessoas para dividir carro - especialmente se tiverem muita confiança, para não ser desagradável se alguém quiser vir embora muito mais cedo! E ponderem a hipótese de marcar alojamento perto do lugar do copo de água. O cansaço e alguns excessos próprios das festas podem fazer com que esta seja uma boa e sensata opção. 

 

1 - Lembrete : Este dia não é sobre mais ninguém : é só sobre os noivos. 

Esta nota é importantíssima, por vários factores : tira um grande peso de cima e evita que pensemos demasiado em detalhes... e serve para que tomemos consciência de que devemos ir o mais possível, de encontro ao que nos é pedido. Se houver um dress code, um horário, um pedido... o que seja : respeitem-no. Evitem trazer stresses, desconfortos ou mau ambiente para este dia : não é sobre nós! 

30
Mai19

Corine de Farme : Água de Rosas Bio.

Ana Gomes

image1.jpeg

 

 

 

Água de Rosas! Afinal para que serve? Depois de muitas dúvidas no instagram, chegou a hora de vos falar um bocadinho sobre as potencialidades deste produto com um nome tão bonito, não concordam? 

Ora... para começar aposto que as vossas avós sabem e lhe reconhecem vantagens. Mas com o passar dos tempos fomos usando outro tipo de produtos e tirando partido do desenvolvimento nas áreas da estética e da beleza e deixámos estes produtos de sempre, de lado! Eu gosto de ter um "mix" na minha casa de banho, produtos de sempre e outras coisas novas que vão aparecendo, mas sempre adorei água de rosas ( na mesma medida em que adoro um bom óleo de amêndoas doces ). A que estou a usar de momento é a bio da Corine de Farme ( óbvio ) e fiquei mesmooooo feliz quando na primeira reunião que tive com a marca, percebi que este produto fazia parte desta gama. 99% de ingredientes de origem natural e um frasco tão prático - com borrifador - é música para os meus ouvidos. E porque é que este detalhe na embalagem me é tão agradável? Porque para além de usar a água de rosas como um complemento no momento de desmaquilhar ( e neste caso a forma de retirar o produto da embalagem é indiferente ) também adoro borrifar o rosto para refrescar ou até mesmo antes de retocar a maquilhagem do dia para a noite ( é raro acontecer... vida de mãe... mas acontece). 

 

image2.jpeg

 

image3.jpeg

 

Tomem então nota : 

A Água de Rosas pode ser usada como tónico, como complemento na hora de desmaquilhar, como refrescante e como passo básico na rotina de hidratação. Aqui em casa até a Vi se delicia com esta água doce, nos braços e pernocas, principalmente nos dias de calor e quando ainda não é hora do duche, mas claro... não é uma das suas principais funcionalidades, era apenas uma curiosidade. 

Há por aí fãs de água de rosas? Utilizam quando e como? 

23
Mai19

Rubrica RFM - Top 5 - Dicas Para Ser Empreendedor

Ana Gomes

Female-Entrepreneur-1200x565.jpg

 

 

 

Estamos numa era em que ser empreendedor é mais valorizado do que nunca. Na realidade cada vez existem mais lugares que permitem o desenvolvimento de projectos e ideias, para lá do nosso local de trabalho. Desde co-works, até incubadoras de projectos e passando por pequenos-almoços para troca de contactos, existe de tudo! E também existem muitas dicas e sugestões, depois de ler bastante sobre o assunto, decidi compilar 5 ideias práticas que vos podem ajudar a activar o empreendedor adormecido... Afinal de contas... é muito provável que tenhas uma ideia que adoravas por em prática mas... não sabes muito bem por onde começar, certo? 

 

5 - Assumir um Compromisso. 

É fulcral que possamos assumir o compromisso e a responsabilidade com o nosso projecto. Quanto mais não seja para respeitarem o tempo que vão investir nos vossos projectos. Tendemos a não ser tão comprometidos com as acções secundárias - e muitas vezes as ideias são consideradas isso mesmo - mas basta que olhemos para elas de outra forma, para ser mais simples assumir o compromisso. 

 

4 - Formar uma Boa Rede de Contactos.

Hoje em dia faz-se muito pouco sem contactos. Não falo de cunhas : nada disso, aliás... longe disso! Falo de conhecer pessoas nas mais diversas áreas. Para isso muitas vezes é necessário sair da nossa zona de conforto, começar por procurar grupos nas redes sociais, e finalmente passar à acção e participar em eventos ou encontros de empreendedores. Nunca sabemos se a pessoa que trabalha ao nosso lado não tem a peça que nos faz falta para colocar o projecto a andar.

 

3 - Investir em Formação. 

É muito fácil hoje em dia um conteúdo estar desactualizado. Mas a forma de nos mantermos actuais é igualmente facilitada. Trocar os tempos mortos, ou investidos em conteúdos "vazios", por boas horas de formações online, vídeos formativos ou mesmo... um regresso ao banco da escola, ou do atelier. 

 

2 - Trabalhar a Auto-Confiança. 

A ideia não é que se tornem pessoas insuportáveis. Todos nós conhecemos alguém que é tão confiante que chega a ser inconveniente, certo? Mas não é nesse sentido! É muito importante que estejamos confiantes dos nossos objectivos, dos nossos projectos e acima de tudo confiantes de que somos capazes de executar aquilo a que nos propomos, e mesmo que nãos sejamos capazes de o fazer na totalidade, pelo menos temos a capacidade de delegar e de procurar as melhores soluções. 

 

 

1 - Ser Persistente.

Que é totalmente diferente de ser teimoso, ou até inconveniente. A persistência é um dos pontos mais difíceis de agarrar, exige que possamos reagir bem a adversidades e que aceitemos que as coisas podem nem sempre correr como planeado, ou até... demorar muito mais do que seria suposto. E significa essencialmente que tentaremos sempre que as coisas aconteçam nos tempos programados! Persistir nas boas práticas e persistir na procura do melhor caminho. 

 

TU CONSEGUES! 

21
Mai19

Health Sessions - Segunda Edição.

Ana Gomes

57BB5CA8-9D7F-4798-806C-E650CC9FB0CD.jpeg

No dia 11 de Maio eu e a querida Marta Santos reunimos mais um grupo incrivel de mulheres para a segunda edição das Health Sessions! 

Depois dos vários pedidos de inscrição na sequência da primeira edição ( que podem espreitar aqui ) decidimos alargar o evento a 25 pessoas. Eu estava super motivada e feliz com a adesão, até ao dia anterior em que me caiu a ficha - e o cansaço de uma semana particularmente dificil - e compreendi que talvez fosse muita responsabilidade, cozinhar e garantir o bem-estar de tanta gente. 

Felizmente correu tudo bem, o fluxo de energia deste grupo é sempre maravilhoso, e foi com imensa satisfação que senti que correu tão bem - ou ainda melhor - do que o primeiro. 

A organização da manhã é simples : eu começo por fazer uma espécie de centramento, e lanço tema da sessão - falámos do Karma - depois a Marta começa o treino funcional  - que é adaptado a vários tipos de condição física - e finalmente volto a pegar no grupo e fazemos um relaxamento colectivo e um momento de auto-reflexão. No final : comida, bebida, fotos, muita conversa... e é tão bom! Tem sido gratificante continuar a receber mensagens das participantes e sentir que o nosso principal objectivo é cumprido : bom feeling e uma sentimento de bem-estar! Afinal de contas todas as pessoas escolheram cuidar delas naquele sábado, e só isso é um óptimo sentimento para guardar, não acham? 

 

Temos tido algumas marcas que nos ajudam a tornar este momento ainda mais especial, desde ingredientes para as nossas receitas, tasting de produtos, e alguns miminhos em formato gift bag que é oferecido no final. Este detalhe é algo que não sabemos se irá sequer continuar, apesar de adorar partilhar as marcas de que gosto tanto com vocês, mas não é de todo o foco destas manhãs e quem lá está percebe isso! 

 

4B10EF77-9C9E-49C3-9C9C-235B14AABFFE.jpeg

A Catarina Freixo também nos ajudou com a captação de alguns momentos! São tantos... tão giros! Mas prometo que não vou partilhar demasiado ahaha. 

 

C5949C59-06C5-4CDC-8758-3E2A53A790B5.jpeg

 

D5B3D23D-06F5-43FD-8210-FF331F063F71.jpeg

Esta edição voltou a contar com os queijinhos de cabra da Cabra Palhais, imensas barrinhas energéticas da Prozis Portugal e da Iswari, um chá de maçã e canela - que já é um ex-libris - da Naturally Green, as ervas aromáticas da Vitacress, os pães ( que estão no top dos meus guilty pleasures ) da Pachamama, àgua de côco e umas tostinhas Pain des Fleus, preparados para bebidas da Pukka, leite vegetal ( tudo da Próvida ). Também da Naturally Green tivemos guacamole, hummus e baba ganoush e uns deliciosos queijinhos vegan. Fruta ( muita e boa ), bolinhas energéticas e pão de banana que cozinhei em triplicado e com muito carinho. 

A696F8BC-45FB-4B91-B4CF-98F7860626FB.jpeg

 

EEC23904-C437-42AD-9AD1-01EA3B8D0F86.jpeg

Algumas meninas do grupo! :) 

77D123C6-224A-4B67-AFDE-07AED0A455F3.jpeg

O gift desta edição contou com o maravilhoso pão da Pachamama, sobremesas vegetais da Condi Alimentar, Crumbs Granola, um livro de receitas da Vitacress ( e um vasinho de ervas aromáticas ), barrinhas e travel sizes da Prozis, barrinhas da Iswari, uma pulseira linda da Eugénio Campos, produtos da Apivita, Corine de Farme e da minha querida Rituals! :) 

16643365-5C35-4FF5-A515-46CD2EB366F0.jpeg

 

2C0168EF-53E7-430B-8985-469419DB1057.jpeg

 

5948B795-D707-4670-8C0A-C4B5294EB1E8.jpeg

 

B1C29978-7FAD-4D83-BEE7-26093002F252.jpeg

Estamos já a preparar a terceira edição ( 29 de Junho ).

 

Se ficaram curiosos com alguns dos produtos podem usar alguns dos meus códigos promocionais : 

 

Prozis Portugal - BarbieProzis

Naturally Green - GreenBarbie

Iswari - IsBarbie 

 

Para mais informações e inscrições : anagomescoaching@gmail.com 

 

Conto convosco? :) 

16
Mai19

Rubrica RFM - Top 5 - Dicas Para Férias Ecológicas.

Ana Gomes

Green-Travel-Tips-Conscious-Travel-Eco-Travel.jpg

 

 

 

Quando a ecologia está na ordem do dia, a informação nunca é demais. 

Tenho a sorte de viajar com alguma frequência - sempre menos do que aquilo que gostaria na realidade - e tento perceber como o posso fazer causando o menor impacto possível. Mas a verdade é que não começo muito bem já que o avião é das formas mais poluentes de nos deslocarmos, mas ultrapassando esse detalhe, o que será que podemos fazer para diminuir a nossa pegada ecológica quando viajamos? Vamos a 5 dicas, para aplicar já nestas férias : 

 

5 - Levar pouca bagagem : 

É tentador levar várias coisas connosco, aumenta o nosso nível de conforto e acabamos por reduzir aquele detalhe ansioso do "e se me faltar alguma coisa". Been there, done that! Mas a realidade é que quanto menos carga transportarmos, menos impacto terá a nossa viagem. Mais carga significa mais combustível... logo mais poluição! 

4 - Optar por transportes públicos : 

É tentador utilizar serviços de táxi ou de motoristas. As novas aplicações vieram facilitar ainda mais a forma como nos deslocamos. Mas as viagens são uma excelente oportunidade de utilizarmos transportes públicos, não só porque são mais económicos, mas também porque nos permitem conhecer os países de uma forma mais genuina. Ponto extra? Os transportes publicos são sempre mais ecológicos.

 

3 - Dispensar os Produtos nos Hoteis :

Regra geral levamos sempre os nossos produtos de higiene. As miniaturas disponibilizadas pelas unidades hoteleiras podem dar um jeitão se nos tivermos esquecido de alguma coisa, mas são o único motivo pelo qual as devemos utilizar. Para obedecerem a regras de higiene estão infinitamente embaladas - e quase sempre em plástico - e são utensílios descartáveis e de utilização única. É óbvio o motivo pelo qual não os devemos utilizar, certo? 

 

2 - Consumir Localmente : 

Apoiar a economia local é uma consequência quase óbvia das viagens, mas a sugestão é que possam comprar produtos artesanais, em mercados locais e evitando ao máximo os de origem animal e que possam promover a exploração dos mesmos! 

 

1 - Estar no Hotel como em Casa : 

Acredito que a maioria das pessoas não troque as toalhas e os lençóis todos os dias quando está em casa. E deveríamos escolher fazer o mesmo quando estamos num hotel. Por isso sinalizem isso, pendurem as toalhas, mencionem que não querem os lençóis trocados diariamente e contribuam para menos lavagens!

 

Boas Viagens! 

 

09
Mai19

Rubrica RFM - Top 5 - Dicas Para Mudar Hábitos Alimentares.

Ana Gomes

257d5e84352ab5c71d23aafcfacd93af.jpg

 

 

 

Por esta altura do ano - e por causa da chegada do Verão - há muita procura de informação sobre estilos alimentares. Na verdade a grande maioria das pessoas quer uma dieta milagrosa que as ajude a perder algum peso... mesmo a tempo dos dias de praia!  Eu acho que devemos sempre fazer mais e melhor por nós - naturalmente - e defendo que deveríamos adoptar um estilo de vida saudável o ano inteiro! Mas se a vossa opção é começar agora, óptimo! Aproveitem e levem estas 5 dicas convosco! 

 

5 - Faz Listas de Compras. 

As mudanças de hábitos alimentares implicam, regra geral, que tenhamos de comer coisas diferentes daquelas que temos em casa. E passam por uma visita mais prolongada ao supermercado, já que muitas vezes até introduzimos novos alimentos que não nos são tão familiares. A melhor regra para não comprometer logo de inicio essa mudança é ter uma boa lista de compras, e usar algum tempo no supermercado para tentar fazer as melhores escolhas e ter uma dispensa cheia de coisas boas e... livre de desculpas! 

 

4 - Encontra a tua nova "fast-food". 

Muitas vezes a famosa "fast-food" está associada aquelas momentos em que estamos cansados, esgotados e não nos apetece cozinhar... sendo que nos apetece alguma coisa que nos "delicie". Dá pouco trabalho e dá uma sensação momentânea de conforto. A melhor dica é que possam encontrar uma espécie de fast-food alternativa. Por exemplo : se é a pizza que vos enche o coração, experimentem cozinhar uma pizza em casa com uma base alternativa, ou escolham uma massa fina, com mais vegetais e menos molho. Se procuram algo mais crunchie, troquem as batatas fritas por vegetais crus! 

 

3 - Ouve o teu corpo. 

Há alimentos que não são os melhores para nós. E outros que não funcionam assim tão bem com a maioria das pessoas mas não constituem um problema para nós. É importante - mais do que copiar a alimentação de outra pessoa - que consigamos ouvir o nosso corpo e perceber como funcionam os alimentos connosco.  Se ficamos mais inchados, se sentimos a digestão muito pesada, se ficamos enjoados. Geralmente os sinais estão sempre lá. 

 

2 - Aprende a Ler Rótulos!

É uma das ferramentas mais poderosas para sabermos exactamente o que estamos a ingerir. Muitas vezes a embalagem remete para um produto saudável - ou de acordo com aquilo que procuramos numa primeira análise - e ao ler o rótulo percebemos que não é bem assim. Há muita informação disponível online e podemos facilmente aprender a ler rótulos! :) 

 

1 - Usem as Redes Sociais. 

Estamos numa época em que a inspiração pode vir de todo o lado. E ainda há coisas boas nas redes sociais, as receitas são uma delas! Hoje em dia há uma série de páginas de instagram e hashtag que fazem a delicia de quem adora programas de culinária, são receitas infinitas, adaptadas às mais variadas restrições alimentares e que fazem tudo parecer mesmo muito fácil! Basta que comecem a procurar e vão entender como temos a vida facilitada... bom... pelo menos no que à inspiração diz respeito. 

02
Mai19

Family Trip!

Ana Gomes

121B054C-8268-49B1-B949-092FE5C4694C.jpeg

 

Aqui vamos nós! De novo :) 

Acho que faltou contar por aqui que estive recentemente em Ibiza a convite da Rituals. Foi uma viagem super especial e quero escrever sobre ela, mas ando com os minutos contados ( em breve prometo que vos ponho a par de tudo ). 

Mas daqui a umas horinhas estaremos de novo num avião a caminho de uma viagem em modo familia, para três dias de muito passeio e... muita comida. 

Vai ser a minha terceira viagem do ano, e a segunda da Vi e decidimos alugar uma casa no Home Away para ficarmos todos juntos e eventualmente cozinhar para a miuda se for necesssário.  Confesso que nunca tinha utilizado a plataforma, mas tenho óptimo feedback, e por isso desta vez trocámos o hotel por uma casinha querida. Podem acompanhar toda a viagem em quase tempo real nos instastories! :) @amelhoramigadabarbie

 

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Playlist Spotify

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D