Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Melhor Amiga da Barbie

04
Dez17

Receita Saudável - A Bolonhesa Vegan da minha mãe .

Ana Gomes

 

 

5BFA94CE-82AE-4F92-9EAA-9FFAA750D3B6.jpeg

 

Olhar para esta foto e imaginar um prato tão quentinho, a lareira dos meus pais acessa e toda a gente na mesa... quase me faz esquecer quão "manhosa" ficou esta foto. 

 

A receita foi muito pedida via insta stories e aproveitei o timming das Receitas Saudáveis à segunda feira para partilhar convosco esta Bolonhesa Vegan que a minha mãe fez este fim-de-semana! 

 

A massa que está na base são espirais de arroz ( um extra para quem procura uma alternativa gluten free! ) mas foi uma alternativa, a melhor opção é o esparguete - do cereal que bem entenderem :)

Ingredientes :

Lentilhas Castanhas,

Tomate aos Pedaços,

Alho, 

Cebola,

Cominhos,

Azeite,

Pimenta

Oregãos

 

Tudo entra cru no tacho, sendo que as lentilhas são demolhada - no minimo 4 horas - e ficam a fazer uma espécie de guisado. Para uma chávena de lentilhas consideramos 800 gramas de tomate já pelado e limpo :) Se for necessário acrescenta-se àgua q.b. para o molho não ficar tão espesso. 

 

Depois basta ralar queijo vegan no prato e deixar a magia acontecer:)

Confesso que ontem colocámos parmesão "normal". 

 

30
Out17

Receita Saudável - Raw Cake de Maçã e Frutos Secos.

Ana Gomes

 

 

743dc43cfbc3909fa46ab90a691b3ea1.jpg

 

 

 

A receita saudável desta semana é uma sobremesa. E tão deliciosa que pode também ser um lanche. Imagino-a acompanhada de uma maravilhosa chávena de chá, fumegante... enquanto me enrosco numa manta a ver uma série. A única desvantagem? Não vai haver aquele cheiro incrivel de bolinho acabado de sair do forno. É que a receita desta semana é crua!

 

Apresento-vos uma tarte de maçã e frutos secos "raw", vegan e sem açucar. Nada temam : é super docinha ;) A magia vem das tâmaras! E fica pronta em 30 minutos - sendo que podem usar 30 minutos prévios para demolhar as nozes e as tâmaras, sendo que este passo é totalmente opcional.  

Ingredientes:

  • 6 maçãs
  • 1 copo de nozes pecan
  • 1 copo de nozes "comuns" 
  • 18 tâmaras pequenas 
  • 2 colheres de chá de canela
  • uma pitada de sal

Preparação: 

  1. Deixar as nozes de molho 30 minutos em água;
  2. Retire os caroços das tâmaras e deixa-las também de molho na água;
  3. Descascar as maçãs e corte-las em quatro pedaços, 
  4. De seguida retirar a água das nozes e secá-las, de seguida colocar no processador até que fiquem com consistência de  farinha grossa (uso a Cuisine Companion). Esta será a base e o topo da arte. Caso não tenham processador podem sempre corta-las com uma faca. 
  5. Ralar 4 maçãs e reservar;
  6. Bater as duas maçãs restantes juntamente com as tâmaras até que formem uma pasta.
  7. Misturar essa pasta com a maçã ralada e a canela;
  8. Adicionar uma pitada de sal às nozes picadas e usar metade para colocar na base da tarte;
  9. Adicionar a mistura de maçãs no meio da tarte;
  10. E finalmente finalizar com a outra metade das nozes por cima.

 

Por cima podem colocar este molho de "caramelo vegan" que é dos deuses! Mas que este sim é cozinhado:

 

Meia chávena de óleo de coco

Meia Chávena de maple syrup

2 colheres de sopa de manteiga de amêndoa

Sal Marinho, Baunilha ou Canela 

 

Derreter o óleo de coco com o maple syrup, durante um minuto. Juntar a manteiga de amêndoa durante cerca de 30 segundos até ficar bem cremoso. Temperem com sal, baunilha ou canela opcionalmente ;)

 

Já puseram o chá a fazer?

 

Bom Apetite <3  

 

 

 

Receita da Tarte Raw e Vegan : https://livinginnaturalharmony.com/pt/2017/08/30/receita-torta-crua-de-maca-vegan/

23
Out17

Receita Saudável - Panquecas de Aveia e Banana.

Ana Gomes

7CCEAFCC-1A86-4FF9-A089-C4E70E9532FC.jpeg

 

 

 

Umas das receitas que mais me pedem via Instagram é sem duvida a Receita das Panquecas. 

São saudáveis, simples, rápidas, muitoooo saborosas e acima de tudo são uma solução boa e rápida para pequeno almoço, lanche, snack ou ate sobremesa! A criatividade ficara para os "toppings" que escolhermos adicionar. 

 B69074D7-D4CB-48CD-9551-E2D6E4180895.jpeg

Assim a base e muito simples : 

 

Para 1 pessoa :

1 banana da madeira ( ou meia banana "normal" );

2 colheres de sopa de aveia

1 ovo

 20F9B81D-19F4-4C52-9083-4020D32809B8.jpeg42C9A786-A829-40C7-BEB6-4E1B37511BFC.jpeg

Bater tudo na blender e untar uma frigideira anti-aderente, com uma colher de sopa bem cheia de massa ir despejando círculos na frigideira, as panquecas devem ser cozinhadas em lume médio baixo e viram-se quando estiverem douradinhas

A gordura que uso para untar a frigideira é óleo de coco e desde que comprei estas frigideiras anti-aderentes da TEFAL - são as Expertise -  consigo fazer muito mais quantidade, mais rápido - já que a área da base da frigideira é grande - e praticamente não uso gordura. Meia colher de café que espalho na base e ainda retiro o excesso com papel de cozinha. 

O símbolo vermelho, o Thermospot, fica mais visível quando a frigideira está quente e pronta a utilizar. O que é perfeito para saber quando devo colocar a massa.

Assim - e para facilitar as rotinas - duplico ou triplico a receita e em pouco tempo tenho um pratão de panquecas que acabo por congelar e vou descongelando sempre que me apetece ( coloco 2 minutos na tostadeira e estão prontas ). Os toppings podem ser os que quiserem, nesta versão usei framboesas e manteiga de amêndoa. Também coloquei um pouco de xarope de agave mas apenas porque me apetecia algo bem docinho! :) 

 

 

25
Set17

Receita Saudável - Couscous Mediterrânico.

Ana Gomes

BC41D0FA-E700-4F6E-B2E8-A8EAA306BC64.jpeg

 

A foto não é minha - como podem perceber pela marca de água - mas confesso que ODIEI as fotos que fiz ao meu couscous a semana passada. 

E não pensei refazê-las por um motivo simples: achei que o frio tinha chegado e que teria de deixar a sugestão para outras núpcias. Estas saladas frias são a minha solução rápida, fresca e saudável para os dias de calor e pouco tempo. Mas felizmente as temperaturas voltaram a subir e a receita ainda faz sentido.

Confeccionar o couscous é a coisa mais simples do mundo e permite-nos ter uma refeição completa em pouquíssimo tempo, para duas pessoas e doses bem generosas usei : 

1 copo de água a ferver e 1 copo de água de couscous. 

 

Colocar o couscous num prato de sopa ( e não numa tigela ) e verter a água fervida por cima. Usei uma cafeteira para ferver a água por isso só temperei neste momento : sal, pimenta e cominhos. Depois esperamos 5 minutos ( o tempo do couscous absorver a água ) e separamos os grãos com um garfo! Mais simples impossível :) Neste momento há quem coloque um pouco de manteiga ou azeite, mas geralmente não o faço. Aconselho também a que dispensem os cominhos caso não gostem de sabores exóticos! 

 

Próximo passo? Abrir o frigorífico e perceber que alimentos fresquinhos estão por lá! 

A minha sugestão : 

Tomate, Cebola, Pepino, Azeitonas e Queijo Feta : Mais mediterrânico era praticamente impossível. 

Picamos todos os ingredientes e esfarelamos o queijo feta. Depois é só envolver com os couscous idealmente numa taça larga e funda para podermos fazê-lo à vontade.

No final basta corrigir o temperos e acrescentar um pouco de azeite se acharmos necessário. 

Decorar com uma rodela de limão e com tomate cherry aberto ao meio e está pronto! 

 

 

Para fazer esta receita vou precisar de :

Couscous

Sal, Pimenta, Cominhos

Manteiga e/ou Azeite (opcional)

Queijo Feta

Tomate

Cebola

Pepino

Azeitonas 

 

 

Bom Apetite :) 

 

 

18
Set17

Receita Saudável - Pesto de Abacate.

Ana Gomes

IMG_5585.JPG

 

Adoro quando vou partilhando as minhas compras e o que vou comendo no instastories e invariavelmente alguém me pede a receita, ou uma dica, ou mais sugestões de receitas saudáveis. 

Vou tentar ser regular nestas partilhas e uma vez por semana quero estar por aqui para contar alguma coisa! 

Não liguem à má luz da foto : só tirei uma, por brincadeira, para o instastories e ... foram tantos os pedidos que acabei por guardar para partilhar! 

A base da receita é curgete espiralizada e o "decor" são espinafres crus! O molho : pesto de abacate!

A receita? Mais simples impossível - rendeu molho para três pratos - e eu ainda repeti por isso... creio que poderia dar tranquilamente para 4 com estas medidas : 

 

 . 1 abacate médio
 . 1 mão cheia de manjericão fresco 
 . 6 a 8  nozes 
 . 2 dentes de alho 
 . sumo de 1/2 limão 

– bater no liquidificador o abacate, o manjericão, as nozes e o alho ( eu uso a Cuisine Companion com a lâmina de triturar ). 
– ainda batendo, adicionar aos poucos o sumo de limão (eu não usei azeite, mas quem preferir pode acrescentar um pouco até o molho ficar cremoso).  

 

04
Ago17

Receita rápida de Verão.

Ana Gomes

IMG_3771.JPG

Como sabem não tenho tido muito tempo livre. Visto de fora até pode parecer que sim... mas só quem toma conta de um recém nascido a tempo inteiro sabe como o tempo se relativiza de uma forma peculiar.

 

Ontem estive sozinha com ela o dia todo e quando dei por mim eram quase 3 da tarde e não tinha almoçado. Abri o frigorífico e em 5 minutos tinha um almoço super saboroso, leve, fresco e MUITO saudável.

 

Courgete espiralizada ( utilizei o espiralizador electrico da FLAMA - adorei o resultado! Conseguimos fios crus bastante longos sem desperdício ).

Tomates Cherry

Meio abacate esmagado

1 ovo escalfado.

 

Eu optei por não cozinhar a courgete ( pode ser cozida e salteada ) e temperei apenas o ovo ( sal e pimenta em cru ). A gordura utilizada foi mesmo a do próprio abacate mas é óbvio que se pode temperar com azeite ou com condimentos a gosto.

 

Bom Apetite!  

IMG_3772.JPG

 

03
Jul17

Matcha Latte - Receita.

Ana Gomes

Há um ano estava-me a preparar para embarcar numa mega aventura. 

Foram quase 2 meses pela Ásia e sobraram muitas memórias e umas saudades indescritíveis. 

377def81751410e66e6421169d9344a4.jpg

 (imagem pinterest)

 

Há várias formas de recordar e de "voltar" aqueles lugares. Uma delas é através do sabor. O Matcha ( chá verde em pó )* é sem sombra de dúvida um desses paladares chave. Tenho preparado um Matcha Latte todas as manhãs e é uma forma reconfortante e doce de começar o dia. 

 

A receita não podia ser mais simples e a conjugação deste chá com o leite resulta numa bebida bem docinha! Daí não usar nada para adoçar... mas podem sempre juntar mel ou geleia de arroz ;)

 

E a medida? Basta apenas meia colher de chá de Matcha para uma caneca/copo de leite. Tenho usado leite de arroz ( porque é o que tenho em casa ) mas fica maravilhoso com leite de arroz e côco! 

 

Dica extra? Para conseguir uma consistência divina utilizem um vaporizador de leite ( vende-se em praticamente todo o lado mas inclui aqui a imagem ). Ao misturar o chá com o leite quente utilizando este utensílio consegue-se uma espuma MARAVILHOSA. 

 

Uso o Matcha da ISWARI que podem comprar com 10% de desconto utilizando o código AMAB aqui : https://www.iswari.com/pt/pt/Superalimentos/Detox/Matcha . Acreditem que dura imensooo tempo já que cada bebida só leva meia colher de chá :) 

 

 

1-PCS-Egg-Beater-Mini-font-b-Hand-b-font-hold-font

 

 

 

 

O matcha é obtido a partir das folhas mais jovens do chá verde, originadas de plantações protegidas da exposição solar. Após recolha, as folhas são trituradas muito lentamente num moinho de pedra, até que estejam reduzidas a pó.

O pó é mais concentrado que os outros chás provenientes da camellia sinensis, ou seja, possibilita resultados mais rápidos. Para além de ajudar no emagrecimento, o matcha tem outros efeitos positivos no organismo, como na redução dos níveis de colesterol, na prevenção do cancro, entre outros. ( fonte : http://www.vidaativa.pt/a/cha-matcha/ ) 

20
Abr17

Receitas com Amor - Chili de Quinoa Vegetariano.

Ana Gomes

IMG_8300.JPG

 

IMG_8301.JPG

 

Já tinham saudades de uma partilha de receita? :) 

Espero que sim porque roubei esta à minha mãe! Na verdade não cozinha há muitaaaas semanas e apesar de ter sofrido um bocadinho enquanto estive internada devo confessar que a melhor parte de estar de cama há semanas infinitas é... comer a comida da minha mãe. 

 

Eu sei... a comida da mãe é sempre especial. Mas eu tenho a sorte de ter uma mãe que cozinha maravilhosamente, estuda e lê imenso sobre alimentação e então cá em casa tudo o que se come são ingredientes da melhor qualidade, agricultura biológica e com muito amor na confecção. Não sei qual destes ingredientes é o mais importante, mas acredito que uma pitada de amor no prato faça TODA a diferença. 

 

O almoço de hoje foi Chili de Quinoa e pedi-lhe a receita ( que é simples e rápida como se quer ) :

 

Fazer um refogado com azeite, cominhos , cebola , alho, sal e pimenta

 

Acrescentar

1 taça Pimentos ( amarelos, vermelhos e verdes ) laminados

1 taça de Cogumelos frescos partidos grosseiramente

1 taça de Feijão Encarnado cozido 

1 taça de Milho 

1 Malagueta 

1 taça de Quinoa ( bem lavada e escorrida ) 

 

Acrescentar todos estes ingredientes ao refogado e depois de levantar fervura deixar cozinhar 20 minutos em lume médio.

 

Ao servir colocar sumo de limão a gosto no prato e acrescentar coentros picados. 

 

Os ingredientes podem varias de acordo com o que tiverem no frigorifico, foi por isso que usámos cogumelos o que nem é costume ser feito na receita original. Na mesa também estava um queijo feta que polvilhei por cima do meu prato e podem sempre acrescentar um pouco de abacate cru! :) 

 

Bom apetite! 

 

 

 

30
Mar17

Alimentação Saudável Sem Privação de Sabor - Receitas Chef Kiko.

Ana Gomes

 

7E3C9648.jpg

 

Há umas semanas fui convidada para um workshop muito especial. 

Eu adoro aprender receitas e novos conceitos e já não era a primeira vez que tinha a oportunidade de aprender alguma coisa com o Chef Kiko. 

O conceito por trás deste encontro estava relacionado com uma temática muito importante : os diabetes e a necessidade de podermos fazer uma alimentação saudável e adequada mas... sem privação de sabor. 

Já é complicado o suficiente ter um diagnóstico deste tipo... pior ainda é condicionar a nossa vida de tal forma que tudo seja ainda mais complexo. 

O convite foi lançado pelo AFDP - a Associação Protector dos Diabéticos de Portugal e pelo Abbott que lançou um método de diagnóstico digital que é muito mais confortável e simpático. 

 

Estava então lançado o mote : " Alimentação Saudável Sem Privação de Sabor " . 

 

Adorei o workshop não só pelo momento de partilha, mas porque acabámos por confeccionar receitas com ingredientes adoro e são pouco utilizados : a couve pak choi, o trigo sarraceno, edamame e o arroz tufado. 

 

No final do post partilho convosco todas as receitas e aconselho MESMO esta barra energética. É muito fácil de fazer e é muito saborosa, é uma opção perfeita para andar na carteira e para usarmos como snack :) É uma opção muito mais saudável do que as de compra comum e... fica bem mais barato se for feito em casa!

 

7E3C9757.jpg

 

7E3C9827.jpg

 

 

 

7E3C9839.jpg

 

 

 

7E3C9864.jpg

 

7E3C9877.jpg

 

7E3C9957.jpg

 

 

 

 

Aqui ficam as receitas e algumas fotos meio toscas que tirei e que pretendem ajudar a "abrir o apetite". 

 

 

 

 

 

IMG_6010.JPG

 

 

 

Salada de trigo serraceno

IMG_6006.JPGReceita para 4 pessoas

 

Ingredientes:

200g Trigo-sarraceno 

50g Couve-flor

4 Espargos verdes

50g Amêndoas inteiras

4 Ovo

Kale

1 iogurte natural magro

1 dente de alho picado

q.b. aji panca

1 colher de sopa de vinagre de jerez

2 colheres de sopa de azeite

70g de óleo

4 folhas de manjericão

q.b. flor de sal

q.b. pimenta preta moída

q.b. rebento de alho

 

Preparação:

 

Lave as folhas do kale e coloque numa cesta de bambu própria para cozer a vapor.

Coza o trigo-sarraceno em água a ferver por 12 minutos. Aproveite enquanto o trigo coze para cozinhar o kale a vapor. Verifique o ponto de cozedura do kale (deve ficar “al dente”)

Depois do trigo estar cozido, escorra e passe-o por água fria de modo a parar a cozedura. Reserve num recipiente á parte o trigo e o kale.

 

Lave bem os espargos verdes e a couve-flor. 

Com a ajuda do descascador, corte a coroa da couve-flor. Reserve os “couscous”.

Corte a parte fibrosa do caule dos espargos. Também com o descascador, corte os espargos no sentido do caule para a cabeça de modo a criar finas fatias de espargo.

 

Numa frigideira, salteie as amêndoas inteiras até ficarem com um tom dourado. Pique grosseiramente.

 

Num copo próprio para a varinha mágica coloque o iogurte natural magro, o alho picado, um pouco de aji panca, o vinagre de jerez, o azeite, a flor de sal e triture bem até ficar homogéneo. De seguida, emulsione com o óleo a fio até formar uma textura de maionese. 

 

Coloque o ovo dentro de uma chávena de café, com água e um pouco de vinagre. Cubra a chávena com película aderente e coloque no micro-ondas por cerca de 30 minutos.

 

Corte em juliana as folhas de manjericão e misture com o trigo-sarraceno, o kale a vapor, os couscous de couve-flor e as fatias de espargos, misture bem. Tempere com a maionese de iogurte, envolva bem e coloque num prato fundo.

Salpique com as amêndoas picadas.

Coloque o ovo escalfado no centro da salada.

Decore com rebentos de alho, tempere com pimenta preta moída e flor de sal a gosto.

 

Tataki de atum com arroz tufado.

 IMG_6015.JPG

Ingredientes:

 

300g de lombo de atum

150g de edamame

200g de cogumelos shitake

100g de pack shoi

50g de arroz tufado

25g de algas wakame

1 cebola roxa pequena

1 nabo negro pequeno

200 ml de vinagre de arroz

q.b. flor de borragem

q.b. óleo de sésamo

q.b. flor de sal

q.b. pimenta preta moída

 

Preparação:

 

Lave o pack shoi e coloque-o num recipiente de bambu próprio para cozer a vapor.

Coza o edamame em água temperada com flor de sal por cerca de 12 minutos. Aproveite para cozinhar a vapor o pack shoi, até ficar “al dente”. 

Assim que o edamame estiver bem cozido, escorra e passe-o por água fria. Coloque-o no copo triturador e triture até formar um puré. Reserve um pouco da água da cozedura na eventualidade de ser necessário para ajudar a triturar. Reserve o puré.

 

Descasque a cebola roxa e lave-a bem. Lave bem o nabo negro. Corte a cebola em pequenos gomos e lamine finamente o nabo negro. Coloque os dois legumes em recipientes separados.

Num tacho, junte 200ml de água e 200ml de vinagre de arroz e leve ao lume até ferver. De seguida coloque a cobrir a cebola e o nabo negro. Deixe arrefecer e guarde no frio. 

 

Numa frigideira, coloque um fio de óleo de sésamo e leve ao lume. Assim que estiver bem quente, coloque o arroz tufado e vá mexendo até torrar ligeiramente. Coloque num recipiente á parte.

 

Corte o lombo de atum em pequenos troços quadrados e barre-o com óleo de sésamo. Na mesma frigideira onde torrou o arroz, core rapidamente o atum de todos os lados. Retire do lume o atum e deixe repousar por breves minutos antes de cortar em fatias.

 

Corte os cogumelos shitake em pequenas fatias e salteie rapidamente na frigideira.

 

Hidrate as algas wakame, de seguida escorra bem e pique grosseiramente.

 

Num prato, barre o fundo com puré de edamame. Misture as algas, com os cogumelos, os pickles de cebola e nabo negro e o pack shoi e coloque em linha perto do puré.

Disponha por cima dos legumes o atum fatiado.

Coloque ao lado do atum o arroz tufado e tempere com umas gotas de óleo de sésamo e um pouco de flor de sal e pimenta preta moída e decore com flor de borragem.

 

Crumble de frutos vermelhos com requeijão e pistachos

 7E3C9984.jpg

Ingredientes:

 

1 requeijão

100g de pistacho sem pele

500g de morangos

4 ameixas pretas

100g de framboesas

1 ramo de alfazema

6 colheres de sopa de geleia de arroz

1 laranjas

q.b. canela em pó

q.b. framboesas liofilizadas

q.b. xilitol

 

Preparação:

 

Lave bem os morangos e as ameixas pretas. Corte em gomos pequenos e misture com as framboesas. Coloque as frutas numa taça e envolva com a alfazema ripada e a geleia de arroz e canela em pó. Reserve e deixe macerar por alguns minutos numa travessa.

 

Pique os pistachos e esfarele o requeijão. Cubra os frutos vermelhos com o requeijão e salpique com o pistacho. Leve ao forno até começar a dourar o requeijão.

 

Esprema o sumo da laranja e misture com o xilitol até formar uma “neve”. 

Depois dos frutos vermelhos estarem assados e o requeijão dourado, retire do forno e coloque em taças. Salpique com a “neve” de laranja e decore com pedaços de framboesa liofilizada.

 

Barra energética

 IMG_5999.JPG

Ingredientes:

 

100g Amêndoas torradas

100g Pistachos torrados

25g Sementes de sésamo brancas

25g Sementes de sésamo pretas

50g Tomate seco

4 colheres de sopa de geleia de arroz

 

Preparação:

 

Num copo triturador, coloque o tomate seco escorrido, o pistacho torrado e a amêndoa torrada. Triture bem até ficarem os ingredientes bem picados. Retire para uma taça.

Misture as sementes de sésamo e envolva bem.

Num tacho, leve ao lume a geleia de arroz com um pouco de água até formar um caramelo. Coloque de seguida na taça e envolva bem todos os ingredientes.

Coloque de seguida sobre uma travessa e pressione até ficar bem compacto. Deixe que o mel arrefeça e “cole” todos os ingredientes antes de cortar em barras.

28
Mar17

A Alimentação e a Maternidade - 2 - Dra. Iara Rodrigues

Ana Gomes

cauliflower-crust-pizza.jpg

 

 

 

A minha segunda consulta com a Dra. Iara Rodrigues correu mesmo muito bem. 

Como vos expliquei neste post senti muita empatia e senti-me mesmo compreendida na primeira consulta e creio que isso foi meio caminho andado para o "sucesso" deste processo. Depois há outra coisa que acho fundamental , falamos a mesma linguagem alimentar, não há criticas pelo facto de não comer carne : há alternativas. 

 

Ate à consulta estava a correr tudo lindamente com a gravidez e com o ganho de peso : no total - e em 29 semanas - tinha ganho apenas 3 kg e aumentado uns cms na zona abdominal e inclusive reduzido na zona da anca. Para além disso a retenção de líquidos - que vive em mim.. - estava equilibrada : ou seja, para quem tem um historial como o meu estava tudo sob controle : nada de tornozelos inchados, ou edemas mais chatos. 

 

Digo "até à consulta" porque tenho perfeita noção que o paradigma mudará significativamente agora que estou deitada mais de 23h por dia! Mas tudo se resolverá :) 

 

Vamos ao que interessa. Com o avançar da gravidez comecei a sentir mais fome, tinha inclusivamente de me levantar depois de jantar para comer mais qualquer coisinha. Tenho dito, por brincadeira, que achava que sabia o que era ter fome ( ou apetite, como quiserem ), mas que na realidade só descobri o que isso era com a gravidez. Então a pessoa acaba de comer e nem meia hora depois sente todo um vazio? E nem é um vazio existencial... é mesmo um vazio no estômago! A solução foi fácil de encontrar, fazer mais um lanche e fazê-lo com alimentos mais substanciais! Comer - por exemplo - uma tosta de salmão, ou uma tosta de atum! Dessa forma iria com menos fome para o jantar e comendo a mesma dose de sempre... tinha menos fome depois! 

E funcionou! 

 

O melhor de tudo é que saí da consulta munida de receitas! Almôndegas de Tofu, pizza saudável, oopsies, brownies de batata doce, chips de couve, imensos smoothies e sumos verdes e o banana bread - que fez imenso sucesso por aqui.  Tenho imensas receitas para testar o que fazem com que a alimentação não tenha de ser nada aborrecida! 

 

É claro que desde que estou deitada e em repouso que alterei um pouco os hábitos alimentares. Estranhamente tenho muito mais fome - talvez por andar menos ocupada - mas tento fazer refeições muito pensadas e com boas doses de proteína para não ficar - ainda mais - molinha :) 

 

Hoje fiz as seguintes refeições : 

 

Pequeno-Almoço : 

 

Banana Bread - 2 fatias

Taça de "café" solúvel com leite de aveia ( batido até fazer espuma )

 

Almoço :

 

Arroz integral, lentilhas, abacate, couve e cenoura salteadas. Temperado com molho de soja e sementes tostadas

 

1 laranja pequena e 3 nozes

 

Lanche : 

 

Batido de Manga com Leite de Arroz Linhaça e Sementes de Cânhamo ( inteiras para mastigar )

4 Galetes de Milho 

 

Ainda não sei ao certo o que vou jantar mas será certamente uma sopa e eventualmente alguma proteína :) 

Tenho bebido sempre uma infusão de Camomila, Funcho e Valeriana para dormir melhor e fazer bem a digestão.

 

Atenção! Se estivesse com a minha vida "normal" e super activa faria outra refeição a meio da manhã e pelo menos 3 lanches :) Como estou deitada tenho-me tentado controlar!  

 

Ah! E caso tenham ficado a babar para a pizza e até tenha sido a imagem que vos trouxe até aqui... deixo-vos uma adaptação da Receita de Pizza Saudável de Couve-Flor da Dra. Iara : 

 

Ingredientes : 

1 Couve Flor

1 Dente de Alho 

1 Colher de Sopa de queijo parmesão light ou 2 colheres de sopa de Aveia em Farinha

1 ovo inteiro batido

1/2 Chávena de Chá de Mozzarela Light

3 Colheres de Sopa de Molho de Tomate ( de preferência Bio ) 

Sal, Oregão e Mangericão a gosto

Na adaptação junto alguns extras como : Beringela Laminada e Cebola Roxa Fatiada Grosseiramente 

 

Como fazer :

Pré-aquecer o forno a 180º

Triturar a Couve-Flor num processador e transferir para um pano para retirar o excesso de àgua. 

De seguida colocar uma taça e juntar o alho, sal, oregãos, queijo parmesão e o ovo batido e misturar muito bem - esta será a massa de pizza. 

Colocar a massa numa forma de pizza e levar ao forno por 20 minutos. 

Retirar do forno e colocar o molho de tomate, a mozzarella e caso queiram colocar alguns extras este é o momento! Levar de novo ao forno para gratinar o queijo e cozinhar os restantes ingredientes. 

 

Retirar do forno, colocar o mangericão e servir imediatamente! :) 

 

 

 

Para informações sobre consultas podem enviar e-mail para info@iararodrigues.com, caso queiram marcar basta ligarem para o 21 011 6410 ou 93 474 8192 

 

Facebook Dra. Iara Rodrigues. 

 

 

PUB

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Playlist Spotify

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D