Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Melhor Amiga da Barbie

20
Set17

Fim-de-Semana São Pedro do Sul - Termas Centro.

Ana Gomes

A semana já vai a meio - e está a ser bem intensa e com muitas novidades - mas a memória do fim-de-semana ainda anda por aqui.

IMG_5790.JPG

 

IMG_5662.JPG

 

<

IMG_5638.JPG

 

IMG_5643.JPG

 

IMG_5645.JPG

 

IMG_5649.JPG

 

IMG_5652.JPG

 

IMG_5665.JPG

 

p>A memória... e a mala por arrumar ahaha.

Como partilhei convosco na Sexta-Feira, fui até São Pedro do Sul! Tinha lá estado há uns anos e a sensação e ideia que tinha mantiveram-se : paz, muito verde, cenários bonitos e ... termas! :) Desta vez fiquei no Hotel do Inatel - que é um palácio lindíssimo - e pude aproveitar algumas das iniciativas que estavam a acontecer ali no centrinho da vila, promovidas pelo projecto Termas Centro. É mesmo engraçado ver este dinamismo e a vontade de fazer alguma coisa acontecer, desde concertos, teatro de rua, jogos tradicionais, caminhadas, visitas guiadas, showcooking ou barraquinhas que vendiam produtos da região enfim... uma panóplia de actividades que complementavam as opções normais de quem visita estes locais. 

 

Acabei por fazer algumas compras - guilty- sobretudo de produtos regionais : a broa de lá é qualquer coisa do outro mundo. 

 

E claro que aproveitei as termas : fiz uma massagem de corpo inteiro com duche vichy e uma massagem ao rosto. 

 

A amplitude térmica desta zona do país é gigante! Chegámos e estava bastante frio - a Vitória até acordou meia constipada - e depois de almoço fomos beber café à beira da piscina tal era o calor que fazia :) Aproveitei para ler, para aproveitar a minha bebé sem o stress e a correria do dia-a-dia e ainda fiz duas boas caminhadas pelo meio daquelas paisagens bem verdinhas. Acabei por fazer as refeições todas no hotel - por isso não vos posso recomendar nenhum restaurante para aqueles lados! A recomendação que não posso mesmo deixar de fazer é que investiguem os benefícios dos tratamentos com águas termais e se aventurem por estas alternativas :) Trouxe comigo três produtos da marca das termas de São Pedro do Sul - a AQUA - que já tinha conhecido na minha ultima visita mas que na altura ainda não tinham sido lançados. Já ouviram falar? Tem mesmo muito boa reputação! 

 

<

IMG_5741.JPG

 

IMG_5742.JPG

 

p>Aproveito para agradecer publicamente a ternura das pessoas. No pequeno-almoço, uma senhora muito querida com duas crianças ternurentas, foi ver a Vitória no carrinho e quando desabafei a minha preocupação por sentir que ela estava constipada e que talvez fosse melhor levá-la ao pediatra.... se prontificou a falar com o Pai que estava hospedado no hotel e que era pediatra. Ele foi super simpático, auscultou-a, descansou-me e "guiou-me" na forma de tratar dela.

Eu não faria diferente. Mas não deixo de sorrir quando vejo que ainda há pessoas prestáveis, e preocupadas. <3 

 

Para mais informações sobre estâncias termais em Portugal consultem o site da Termas Centro. 

 

 

 

 

15
Set17

São Pedro do Sul - recarregar baterias.

Ana Gomes

spdsul-4-(1034).jpg

 

 

 

Estou neste momento a caminho de São Pedro do Sul. 

Conheço bem esta zona do país - o meu avô nasceu por lá - e passei muitas férias de Verão em Castro D'Aire. Ainda assim a memória mais fresca que tenho de São Pedro é de há 4 anos. Fui até às termas com a minha Tia - obrigada facebook por me teres reavivado a memória - e é para essas mesmas termas que vou agora. 

 

Não sei se conhecem os benefícios dos tratamentos com águas termais mas eu sou fã! Apesar de este tipo de tratamentos ou turismo estar associado a outra geração eu acho - e até podia ser embaixadora disto... pensem lá nisso ahaha - que este tipo de circuitos deveria ser mais explorado pela nossa geração : em alternativa a outro tipo de tratamentos ou pela simples medida holística de bem-estar. 

 

E estou definitivamente a precisar de carregar bateria, parar um pouco e arejar a cabeça. Já sabia que iria ser muito complicado o regresso a Lisboa porque isso iria representar o dia inteiro com a Vi em casa, muitas caixas para arrumar e catrefadas de roupa para lavar ( que ficou tudo a cheirar a "guardado" ). Para além da habitual rotina doméstica, organização da casa nova e... tentar produzir alguns conteúdos para isto não parar. E o tempo que se perde no trânsito? Minha nossa senhora! Tenho ficado a pé até às 2h da manhã, acordado pouco depois para dar o leitinho à Vi e mais tardar às 8 já ando de um lado para o outro de novo. Se por um lado quero muito ter tudo arrumado rapidamente para poder relaxar um pouco, por outro vai-me saber lindamente sair daquela azáfama, não ter de pensar em cozinhar, limpar, arrumar. Claro que a pequenina vai comigo mas... vai ser um namoro bom e um cansaço diferente. 

 

Na bagagem vai muito pouca coisa - dentro do género... já se sabe que as mudas de roupa para um bebé têm de ser quinhentas - levo amostras e coisas que tenciono não trazer de volta. Dois vestidos, umas calças, um fato de treino ( na esperança de fazer alguma coisinha ), um casaco e uma t-shirt. Ah! E um fato de banho para ir aproveitar as termas. 

Um bb cream, pó solto, máscara de pestanas e um baton pink - Rimmel London. 

 

Captura de ecrã 2017-09-15, às 18.39.48.png

 

 

Vou tentar aproveitar cada minutooooo! Vou partilhando tudo nas stories do Instagram! 

 

<3 Bom Fim-de-Semana. 

31
Ago17

O melhor colchão do mundo é português - KOALA REST.

Ana Gomes

Captura de ecrã 2017-08-31, às 15.02.33.png

 

 

 

Nestas coisas de começar uma casa do zero há imensas coisas a ter em consideração. 

A lista parece-me interminável e creio que ter tudo resolvido será algo inatingível num futuro próximo. Ainda assim "God Bless The Internet" por nos ajudar a resolver e a simplificar parte do processo. São os sites e as lojas online que me têm permitido, a qualquer hora, por em ordem algumas ideias. 

 

Para ser muito sincera concentrei-me na parte funcional da casa e deixei os detalhes decorativos para outras núpcias. Por vários factores mas principalmente por uma questão financeira e de gestão de espaço. Se não concentrasse todo o investimento no principio poderia, à medida que fosse estabilizando do investimento em obra, fazer escolhas com mais "margem". Assim - e depois do quarto da Vitória estar devidamente resolvido - entendi que a prioridade seria uma cama para o meu quarto. E assim foi: comprei a cama e aproveitei uma campanha promocional para comprar também um sofá e um cadeirão para a sala. 

 

Esqueci-me foi do óbvio : um colchão. Foi neste momento que comecei a transpirar ligeiramente. Especialmente depois de perceber que os meus pais tinham recentemente mobilado uma casa no Baleal e que houve alguma discórdia e compasso de espera no momento de escolher os colchões ( que acabaram por ser diferentes de cama para cama ). Eu sou a pessoa mais indecisa que conheço. A única coisa que eu queria era um bom colchão. Mas ... o que é um bom colchão? É óbvio :  colchões dos hotéis. Não têm a sensação que quando ficam num bom hotel dormem o sono mais reparador da vossa vida? Nunca me dei ao trabalho de desfazer uma cama ou perguntar na recepção de que marca era o colchão do meu quarto. Mas felizmente houve alguém que teve a ideia de desenvolver um negócio que oferece o pretendido. E foi lá - sem hesitações - que encomendei o meu colchão que - sem spoilers - ainda não estreei. 

Estou a falar da KOALA REST que é uma start up portuguesa que nasceu para nos facilitar a vida e melhorar o sono. Em suma permitem que possamos encomendar o nosso colchão - com a medida que quisermos - e que o mesmo nos seja entregue em casa num prazo máximo de 7 dias. A garantia é de 10 anos mas temos 30 dias ( ou 30 noites ) para o por à prova e decidir se cumpre a sua função de "melhor colchão do mundo" - caso chumbe no teste o dinheiro é-nos devolvido e o colchão recolhido. O seu destino? É maravilhoso... a KOALA Rest entrega-o a uma instituição! :) 

A principal questão - que também era a minha - é de que materiais são feitos os colchões e qual a fórmula que utilizam? Bom... a ideia é mimetizar o padrão dos colchões dos hotéis de luxo e reproduzir a qualidade : A experiência de sono do Koala é resultado de uma combinação equilibrada de três tipos de espuma: látex híbrido (que anula a transferência de movimento e permite a dissipação de calor), espuma viscoelástica (que permite ao colchão acomodar-se ao contorno do seu corpo) e espuma de suporte (que previne a sensação de afundamento assegurando um óptimo suporte e durabilidade).

 

Outras coisas giras? Os colchões são produzidos em Portugal e conseguem ter um preço competitivo porque cortam os intermediários no negócio ( não há lojas físicas, todo o processo de compra acontece online ). 

 

Vocês sabem que adoro projectos novos, giros, facilitadores de vida, com qualidade e acima de tudo PORTUGUESES! Para mim faz todo o sentido divulgar este tipo de serviços e podem saber tudo sobre eles no site, facebook ou instagram

 

Daqui a uns dias conto-vos tudo sobre as primeiras noites de sono. Na casa... e no colchão novo! :) 

Agora podem-se rir com o vídeo! O colchão vem assim enroladinho e duas horas depois de aberto está prontinho a usar! ;) 

 

 

04
Jul17

Weekend Getaway : Aqua Village - Health Resort & Spa.

Ana Gomes

Fizemos recentemente a nossa primeira viagem / fim-de-semana a três. 

Estava muito feliz com a ideia e super ansiosa para gerir toda a logística. Afinal de contas adoro conhecer sítios novos, passear e aproveitar os dias... e não estava muito certa de como poderia voltar a fazer isso depois da Vitória nascer. 

O nosso foco nos primeiros tempos serão as viagens dentro de Portugal ( e há tanto para fazer e descobrir ) e começámos já no mês de Junho. 

 

O destino? Bom... foi um pouco "fora" do óbvio. Geralmente escolhemos a Costa Vicentina, o Algarve ou o Porto mas desta vez fomos para o interior e foi uma maravilhosa surpresa! Já tinha ouvido falar do Aqua Village - essencialmente por partilhas nas redes sociais do projecto e da imagem destas "gotas" suspensas - e foi uma óptima confirmação daquilo que esperava : um sitio incrível. 

IMG_1836.JPG

Foi MESMO aquilo que estávamos a precisar. No meio da natureza, com uma calma incrível, piscina, praia fluvial, muita sombra para podermos aproveitar o espaço exterior com a Vitória e um quarto/apartamento que nos permitiu fazer uma refeição em "casa". A cereja no topo do bolo? Uma varanda com esta vista e uma banheira de hidromassagem que não podia estar em melhor lugar. 

Foram dois dias de muito namoro com a pequenina. Os 3, sem planos, sem pressas, sem combinações e sem horários! Acordar cedo e aproveitar o mega pequeno-almoço do hotel, voltar ao quarto para dormitar, ler um bocadinho, dar um mergulho na piscina, fazer boas sestas! 

No Sábado ainda tive a sorte de ir a um arraial de São João em Oliveira do Hospital. 

Lá porque decidimos não fazer grande coisa, não faltam sitios para visitar por ali! As paisagens são muito bonitas e as praias fluviais com cascatas são um postal que o turismo de Portugal devia explorar! 

 

Podem consultar o site do Aqua Village Health Resort & Spa para mais informações. Falaram-me maravilhas do Spa ( só utilizámos a piscina exterior de água quente ) e segundo consta o restaurante do hotel é mesmo muito bom ( foi-nos recomendado por várias pessoas quando pedimos indicação de um sitio para jantar na zona ). 

Deixo-vos o link para um pequeno vídeo do quarto que fiz à chegada e algumas fotos que tirámos por lá:

 

IMG_1861.JPG

 

IMG_1884.JPG

 

IMG_1886.JPG

 

IMG_1932.JPG

 

IMG_1940.JPG

 

IMG_1975.JPG

 

 

 

 

IMG_1827.JPG

 

IMG_1831.JPG

 

IMG_1832.JPG

IMG_1979.JPG

 

IMG_1980.JPG

 

IMG_1981.JPG

Espero que esta tenha sido a primeira de muitas viagens da mala da Vi! 

 

 

 

08
Set16

Macdonald Monchique Resort & Spa - da Serra com Amor.

Ana Gomes

IMG_9067.JPGIMG_9078.JPG

Este fim-de-semana rumei a Sul.

Gosto bastante do Algarve, e por muito tolo que isto possa soar, durante a viagem longa pela Ásia comentei várias vezes que este ano seria pouco provável respirar o ar do sul. Ainda bem que tudo se organizou para poder  ter este fim-de-semana fora!

Acho Portugal maravilhoso ( como sabem ) e há coisas no Algarve que são incomparáveis : o cheiro, o pão, a alfarroba, os frutos secos, as laranjas, os figos... enfim! Podia ficar por aqui durante muito tempo a escrever e a sonhar com isto tudo. 

Acho que o Algarve está maravilhosamente servido no que diz respeito à oferta de hotelaria : é verdade que tenho tido acesso aos melhores hotéis mas hey... são realmente bons e dignos de visita. 

 

Estava muito curiosa com este hotel, o Macdonald Monchique Resort & Spa, não só por ter visto fotos maravilhosas de alguns amigos, mas também pela localização : a Serra de Monchique. Para mim Algarve é praia... mas ficar na serra foi uma experiência maravilhosa : um sossego perfeito, uma proximidade agradável do mar e da "civilização". Em resumo o melhor de dois mundos! 

 

Fiquei numa suite para onde me mudava já hoje. Muito espaçosa, com uma varanda/terraço perfeita, cozinha, sala e duas casas de banho. Um mini-apartamento com todos os equipamentos necessários que tornariam uma estadia mais prolongada num momento super confortável. Como ficámos apenas dois dias fizemos todas as refeições no hotel. Um detalhe que adorei? A existência de uma Merceria onde podem comprar produtos da região, produtos gourmet ou alguns básicos de que necessitem para uma refeição rápida. 

MM Room2469.jpg

 

MM Room2486.jpg

 

MM Room2554.jpg

 

MM Room2560.jpg

(fotos retiradas do site, não tirei fotos decentes ao meu quarto quando estava arrumado ahahah)  

 

Este é também um ponto de relevo : a oferta gastronómica é variada e para todos os gostos. Há petiscos, uma pizzaria ( onde jantámos no dia em que chegámos ), o bar da piscina para refeições ligeiras, e o ex-libris : Mon-Chiq onde vale mesmo a pena ir para uma refeição ( mesmo que não fiquem alojados no hotel ). 

 

Se gostam de experiências gastronómicas, cozinha de autor e sabores algarvios este é o combinado ideal! A cozinha está a cargo do Chef Louis Anjos que tivemos o prazer de conhecer. Preparem-se para ficar com fome : 

IMG_9037.JPGIMG_9040.JPGIMG_9038.JPG

(fotos retiradas na primeira refeição na Pizzaria da Serra) IMG_9048.JPGIMG_9050.JPG

(Alguns dos Snacks do bar da Piscina)IMG_9059.JPGIMG_9055.JPGIMG_9053.JPGIMG_9062.JPGIMG_9060.JPGIMG_9065.JPG

(alguns dos pratos do Mon-Chiq )

 

O motivo da nossa visita era usufruir do Pacote de Surf ( uma parceria com a Future Surfing School )  que inclui aula de surf, bodyboard, SUP e a possibilidade de usufruir do Sensorial Spa e de uma aula de 45 minutos no ginásio do hotel.  Como estávamos adoentados acabámos por ter de cancelar esta experiência. Apesar de termos mesmo ficado com pena, decidimos não nos ir abaixo com a indisposição e aproveitámos o hotel ao máximo! 

 

Paralelamente aos programas existentes o hotel disponibiliza uma agenda diária de eventos e actividades abertas a todos os hospedes. 

IMG_9068.JPG

Fiz uma coisa que ADORO fazer : deitei-me ao sol a ler um livro e li-o de uma ponta à outra. Nos dias que correm considero isto um luxo! 

Pelo que entendi ao longo do ano serão lançados outros pacotes temáticos que acrescentarão outras novidades à estadia no resort. 

Eu fiquei com muita vontade de regressar! Claramente há muito para aproveitar a Sul, mesmo depois dos meses de Verão, não acham ? 

IMG_9042.JPG

 IMG_9082.JPG

 

 

Contactos : 

Macdonald Monchique Resort & Spa

Site : http://www.macdonaldmonchique.com/

+351 282240130
Lugar do Montinho8550-232MonchiqueAlgarve
Portugal
25
Abr16

Agradecer Abril.

Ana Gomes

image.png

 O 25 de Abril foi-me explicado várias vezes. Em várias alturas da vida os devidos enquadramentos foram feitos. E sempre me senti muito "parte" da revolução : bom... da ideologia. 

Mas a primeira memória que tenho do assunto "25 de Abril" foi aquela que melhor pude entender. Ora eu não sabia o que era ser livre, daí não entender o que era não o ser. 

Mas quando em casa me disseram que a música levava mensagens fiquei intrigada. O duplo poder da palavra, uma luta que crescia por um denominador comum : era magia! Pior foi entender que nem toda a música chegava a toda gente : era proibida. A música era "uma arma". 

A quantidade de discos que proliferava lá por casa não me deixava crer que, uns anos antes, cada tema composto era alvo de rigorosa revisão. E que nem todos os álbuns eram editados porque pura e simplesmente eram considerados perigosos. Foi assim que ganhei aversão a um regime em que não vivi. 

 

Mais tarde conheci grande parte dos contornos de uma ditadura. Espantei-me e comovi-me. Agradeci a todos os que fizeram Abril. Logo eu que sou um espírito tão pouco engavetado. 

 

E nunca parei de agradecer. 

Nem de gostar de música que é arte e revolução. 

08
Abr16

Rubrica RFM - Bloggers On Tour

Ana Gomes
 

bloggersontour.jpg

 

 
Hoje a rubrica é bem diferente! E porquê? Porque tivemos dois bloggers convidados - Roberto Esteves -  Quiosque do Ken - e Margarida Almeida - Style It Up. Já me devem ter visto IMENSAS vezes com a Margarida e por isso não é de estranhar que esteja a querer ver de perto o que andam a tramar.
 
E porquê? Porque ambos acreditam na importância de fazer turismo em Portugal ( e como sabem... eu também ) nesse sentido vão embarcar numa road trip de Norte a Sul do País e descobrir o que há de melhor no nosso país.
 
A ideia é revelar o que o nosso país tem de exclusivo, único e particular. E como? Bom... é aqui que todos somos convidados a participar,  têm de se inscrever nos respectivos blogues e preencher este formulário. 
 
No final existirão 10 episódios em vídeo com uma selecção de locais visitados, hotéis, restaurantes que serão escolhidos com base nas vossas sugestões! 
 
 
Eles estarão durante cerca de 15 dias na estrada com uma equipa de reportagem que irá registar tudo em foto e video, sendo que a aventura pode ser acompanhada nas redes sociais e no site da LuxWoman. 
 
O desafio de hoje é que possam partilhar os vossos "segredos" sobre Portugal para ajudar a construir este guia de viagem alternativo! 
22
Mar16

Por Portugal : Monte do Zambujeiro - a delicia do Alentejo.

Ana Gomes

Portugal é uma pérola. 

 

IMG_1682.JPG

 

 

 

IMG_1653 1.JPG

 

IMG_1692.JPG

  

 

Não me canso de saber que dentro das nossas fronteiras existem inúmeros sítios que merecem ser descobertos. 

 

O plano é continuar nas minhas viagens territoriais. Explorar Portugal. O Turismo Rural é uma área que merece a nossa atenção: não só porque nos permite estar em locais menos explorados e mais "vivos", mas também pela proximidade que muitas vezes se tem das comunidades e das pessoas envolvidas nestes projectos. 

 

Foi com o pretexto de um fim-de-semana de sol que decidimos marcar um fim-de-semana a Sul. Depois de algumas pesquisas por sítios que já conhecemos e por outras possibilidades novas fomos atrás de uma sugestão : O Monta do Zambujeiro. 

 

Informações prévias? Zero! Mas sabíamos que estávamos certamente bem localizados : a 5 minutos de Vila Nova de Mil Fontes. 

 

Saímos de Lisboa Sexta-Feira de noite e chegámos esfomeados! Ligámos à Mónica ( proprietária do Monte ) e fomos recebidos pela sua simpatia e desembaraço : despejar malas no quarto e boleia para jantar. Eram 11 da noite mas não havia problema : jantar na Tasca Do Celso com vários petiscos e um pão alentejano pecaminoso. Para sobremesa a óbvia Sericaia e um cestinho de frutos secos com casca que me fizeram esfregar as mãos de contentamento. 

 IMG_1600.JPGIMG_1603.JPGIMG_1606 1.JPGIMG_1605.JPG

De regresso ao Monte do Zambujeiro ainda abrimos a porta do terraço do quarto para ver um céu absolutamente estrelado e um silêncio tranquilizante. A surpresa viria na manhã seguinte : uma vista incrível, um lago ao fundo, um envolvimento natural incrível e um pequeno-almoço servido na sala ao lado. De novo o pão alentejano e uns dedos de conversa com a "caseira" responsável pelos melhores ovos mexidos e café de cafeteira que bebi nos ultimos tempos.

 IMG_1615 1.JPGIMG_1631 1.JPGIMG_1614.JPGIMG_1771 1.JPG

Tive a feliz ideia de por uns ténis e um fato de banho na mala de viagem. De tarde nem saímos do Monte : banhos de sol, uma caminhada até ao Rio, uma paz absoluta que se revelou contraproducente para o meu objectivo : trabalhar. Mas há tempo para tudo e parar é tão ou mais importante do que aproveitar todo o tempo do  mundo para escrever ou responder a e-mails. 

 IMG_1623 1.JPGIMG_1642.JPGIMG_1639 2.JPG

Um novo duche e saímos para Vila Nova. Passámos na MABI para um croissant e um sumo natural de cenoura e maçã e caminhámos pela vila. Escolhemos o Fateixa para jantar. Fica mesmo em cima do Rio e o fim de tarde é mágico por ali. 

 IMG_1669.JPGIMG_1700 1.JPGUQLI0733.png

Regressámos cedo para o quarto e deixei-me levar pela moleza do dia. Foi por isso que acordámos cedíssimo no Domingo e a combinação "fato de banho + roupa desportiva" resultou na perfeição. Descemos a colina para tomar o pequeno-almoço junto das outras casas do Monte do Zambujeiro e molengámos na piscina. 

 IMG_1648 1.JPGIMG_1743 2.JPGIMG_1750 1.JPG

Antes de regressar a Lisboa parámos para um café com a Mónica e um incrível abastecimento de salgadinhas e bolos regionais no "Pão, Café e Companhia" - um café e mini-mercado de produtos regionais. IMG_1773 1.JPG

Ficámos a saber que se organizam várias actividades no Monte do Zambujeiro, inclusive pique-niques e passeios de barco para pores do sol incríveis. As fotografias na página de facebook confirmam isso tudo. 

 

E nós ficámos com vontade de regressar. A dois ou com mais amigos, já que é possível não só alugar uma suite como uma casinha inteira. 

 

A viagem de regresso foi feita junto ao mar. Como resistir à Costa Vicentina? 

 IMG_1789 1.JPG

Contactos : 

Herdade do Zambujeiro, Monte do Zambujeiro
Vila Nova de Milfontes
 
Telefone : 916 162 215
 
21
Mar16

Gostar do Porto aconteceu-me.

Ana Gomes

Gostar do Porto foi uma coisa que... me aconteceu. 

IMG_2184 1.JPG 

Nas minhas primeiras viagens não gostei de nada. Queria sempre ir embora rápido : inclusive fazia por ter de vir ao Porto de forma a conseguir regressar no mesmo dia. Um trajecto penoso, muitas vezes feito de madrugada, depois de um longo dia de trabalho. 

 

Tempos depois rendi-me. Sem esforço, sem resistência. Aconteceu-me gostar mesmo do Porto. As pessoas que conheci tiveram culpa. A forma como me receberam - sempre bem - os lugares por onde passei. A cultura, a forma como se aproveitam os espaços, a comida a diversidade de galerias, bares e espaços com boa onda é inacreditável. 

 

É a minha segunda visita ao Porto no mês de Março. A primeira num quase lusco-fusco e esta já com mais tempo para saborear o Douro, comer tapas na Ribeira, o miradouro da Vitória, caminhar pelos clérigos, brunchar na Boavista, subir a Miguel Bombarda e até apanhar sol numa esplanada ( que eu tenho sempre a sorte de apanhar um Porto sem chuva ). E houve tempo para os amigos. A minha Diana e um restaurante giro de descobrir : 7 Maravilhas

 

Vim a propósito do Portugal Fashion, a convite da DKODE. A recepção e o tempo passado em comitiva foi - como sempre - uma maravilha. Um riqueza do Norte ;) As imagens do desfile partilho convosco em breve. 

IMG_2109 1.JPG

IMG_2113 1.JPG

IMG_2118 1.JPG

IMG_2119 1.JPG

IMG_2120 1.JPG

 

IMG_2132.JPG

IMG_2144 1.JPG

 

IMG_2127 1.JPG

IMG_2135 1.JPG

IMG_2165 1.JPG

IMG_2174 1.JPG

IMG_2182 1.JPG

 

IMG_2187 1.JPG

 

 

 

 

02
Fev16

O sublime Montebelo Vista Alegre Ílhavo Hotel.

Ana Gomes

IMG_4060.JPG

 

Há lugares que são elogios puros à vida. 

Eu não sei bem explicar isto, ou traduzir isto por palavras mas... o Montebelo Vista Alegre Ílhavo Hotel - perto de Aveiro -  é sublime. 

 

Saímos de Lisboa numa Sexta-Feira ao fina do dia e não fosse o apetite - e a vontade de conhecer o restaurante - e acho que nem teríamos saído do quarto. Uma suite espaçosa, super bem decorada, com uma varanda imensa sobre a Ria. Primeiro pensamento : Eu vivia aqui. 

IMG_3879.JPGIMG_3864.JPG

 

IMG_3991.JPG

É fácil perceber que passear pelo hotel é como visitar um museu. Não pelas peças datadas - longe disso - mas pelos elementos de design que nos fazem querer ficar a olhar. Cada piso tem um tema, cada quarto um elemento, cada zona uma inspiração. 

 

IMG_3994.JPG

IMG_4061.JPG

 

E se cedo descobrimos que o restaurante do hotel vale a pena ( o menu é super completo e variado, tem pratos regionais e opções saudáveis ) , não tardámos a entender que o SPA é o elemento mais apetecível para quem quer relaxar e aproveitar a estadia. 

 

Foram praticamente três dias em que apenas deixámos o hotel para um passeio na praia! O espaço convida mesmo a que fiquemos por ali a aproveitar, a apreciar e a desfrutar das horas que muitas vezes não dedicamos a nós mesmos. 

Ah! Também visitámos a loja da da Vista Alegre e a dedicada a Bordallo Pinheiro - ficam nas traseiras do hotel e são um mimo. 

IMG_4109.JPG

 

IMG_3862.JPG

spa.jpg

IMG_0091.JPG 

IMG_3997.JPG

IMG_4057.JPG

 

IMG_4144.JPG

IMG_4155.JPG

 

Uma curiosidade interessante é o facto do hotel ter uma ligação a um antigo palácio século XIX com quartos que se mantém fieis ao espírito da época. A ligação é feita por estas escadas incríveis : 

 

escadas.jpg

 

Quero muito voltar no Verão e aproveitar a piscina exterior, os fins de tarde na varanda e os serões perto da Ria. Mas acho uma excelente sugestão para uma escapadinha romântica no Inverno, por isso deixo como uma óptima sugestão para o Dia Dos Namorado. Aproveitem e marquem uma massagem! 

piscina.jpg

IMG_4160.JPG

 

O projecto é assinado pela Nembo Oficina - Tiago Araújo e Paula Fonseca Nunes - que tive o prazer de conhecer!

 

Montebelo Vista Alegre Ílhavo Hotel
Lugar da Vista Alegre, Ílhavo
234 241 630 // montebelovistaalegre@montebelohotels.com

 

Nembo Oficina
www.nembo.pt //Facebook // Instagram

 

Fotos minhas e da minha super duper friend : Mafalda Nunes ! A Mafalda e a Mariana foram uma mega companhia para mim e para o Tiago neste fim-de-semana :) 

PUB

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Playlist Spotify

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D