Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Melhor Amiga da Barbie

08
Fev18

Rubrica RFM - TOP 5 - Mitos Alimentares.

Ana Gomes

No Top 5 desta semana vamos falar um bocadinho sobre alguns "mitos" alimentares. Ou seja: verdades em que vamos acreditando e que se vão tornando quase óbvias mesmo que muitas vezes não sejam propriamente verdade. 

Ora vejamos : 

 

 

a57b6cf1ee22a3f70cf2040d05effa36.jpg

 

 

 5 - Sumos de Fruta são a bebida mais saudável. 

Em ultima análise a melhor bebida do mundo será a agua e é inequívoco que sumos de fruta são melhor opção que qualquer refrigerante. Mas convém saber que também têm bastante açúcar - açucares naturalmente presentes na fruta - e que promovem menos saciedade do que se comermos a mesma quantidade de peças de fruta por "inteiro". 

 

34794c5c71ce4fb13eab99d20a1379f1.jpg

 

4 - O Leite é a Maior Fonte de Cálcio.

Os estímulos visuais que temos levam-nos a acreditar que o leite tem bastante cálcio e é muito importante para manter ossos saudáveis. É verdade que o leite pode ser considerado mas os vegetais têm quantidades bastante superiores de cálcio e este é muito melhor absorvido pelo organismo do que no primeiro exemplo. 

shutterstock_151598030-e1450321219621.jpg

 

3 - A Margarina É Mais Saudável do que a Manteiga. 

 

As correntes alimentares dedicadas ao paleolítico acabaram por ajudar a esclarecer este mito já que até muito recentemente as margarinas eram consideradas gorduras mais "aceitáveis". O mito cai por terra quando entendemos que este alimento é hidrogenado e mais processado o que acaba por ser maléfico para o organismo. 

1516346456_pao.jpg

 

2 - O Pão Tostado Engorda Menos Que o Pão "Normal". 

 

Como se costuma dizer... não é o pão que engorda... somos nós! Mas ... tontices à parte a mesma quantidade de pão tostado ( por exemplo 100g ) tem mais aporte calórico do que o dito pão "normal" visto que a concentração de água é menor no primeiro. Mas aqui estamos apenas a considerar quantidades e peso. Em teoria comer uma fatia de pão normal ou a mesma fatia de pão torrado terá o mesmo aporte calórico. 

 

calorias.001.jpeg

 

1 - Todas as Calorias são iguais. 

 

Grande parte dos planos alimentares limita-se a contar calorias... mas isso não deveria ser uma ciência exacta já que os nutrientes e a diversidade alimentar são os principais factores que devemos ter em conta para uma vida saudável. É natural que num processo de perda de peso o aporte calórico possa - e deva - ser controlado mas 100 Kcal de verduras não promovem a mesma saciedade ou valor nutricional que 100 Kcal de gomas. 

06
Fev17

A Alimentação e a Maternidade - Dra. Iara Rodrigues.

Ana Gomes

8fc23450d03a0be4a90fa9725bcf4d8c.jpg

 

A semana passada decidi fazer - mais - uma coisa por mim. 

 

Desde o dia em que soube que estava grávida que o meu motor de busca do Google tem sempre várias pesquisas sobre a gravidez e a alimentação. 

Eu não sou muito complicada, mas a realidade é que os "planos alimentares/dietas" convencionais não fazem grande sentido para mim. E convenhamos : é esse tipo de aconselhamento ou sugestão que encontramos online. 

 

Se somos imunes à toxoplasmose comemos isto, se não somos comemos aquilo. Devemos ter atenção à qualidade dos alimentos e à forma de conservação porque ninguém quer apanhar uma gastro : muito menos uma grávida. 

 

Mas eu acho que podemos e devemos ir muito mais além disto. Há cuidados que são transversais a qualquer gravidez  e há mitos que devem ser derrubados com alguma brevidade. 

 

Mas o que mais há é falta de informação sobre outros estilos de alimentação. Decidi marcar uma consulta com a Dra. Iara Rodrigues - de quem fiquei super fã depois de ler o livro - e foi tudo o que esperei. 

Fizemos uma avaliação sobre o meu corpo : onde confirmei que só ganhei 1 kilo desde que engravidei, que a minha tensão está maravilhosa ( e mais controlada do que quando vou à obstetra apesar de ambos os valores serem bons ) e que estou a fazer retenção de líquidos. Avaliámos a quantidade de massa gorda e concluímos que as boas caminhadas que faço ajudam a manter os bons níveis de massa muscular. 

 

Estou bem! Arrisco-me a dizer que estou melhor agora do que antes de ter engravidado. 

Falámos durante mais de uma hora, a psico-nutrição é uma área que me fascina e pude fazer a ponte entre vários momentos da minha vida e a relação com a alimentação e as consequências directas no meu corpo. 

Analisámos a minha alimentação actual e saí do consultório com óptimas ideias e com um plano alimentar personalizado.

 

Confesso que AMO o meu plano... reparem : há batidos, panquecas, granola e papas de aveia aqui pelo meio. Abacate, ovos, queijo, batata doce, quinoa, espelta e outros cereais, chocolate preto, fruta fresca e desidratada, proteínas que não envolvem carne e leguminosas. 

 

Mas também há regras incontornáveis! A saber : Comer devagar e mastigar os alimentos, beber no mínimo 1,5l de água por dia, máximo de dois cafés por dia sem açúcar, não beber álcool, não permanecer muitas horas em jejum, não comer após o jantar, exercício físico pelo menos 3 vezes por semana no mínimo 50 minutos! É permitida uma água com gás por dia com aromas e três pastilhas elásticas sem açúcar. 

 

Há também dicas gerais : consumir produtos da época, preferencialmente biológicos ou de origem controlada e confeccionados por nós ou por alguém de confiança. 

 

Importa MUITO descomplicar. Se nos apetece sushi, marisco ou ovos interessa essencialmente que sejam consumidos em sítios nos quais nos sintamos à vontade. Uma maçã pode ser consumida com casca se : 

For biológica ( serve para todos ) e se for "amukinada"!

Legumes e vegetais no prato são a melhor opção que podemos fazer e aqui o truque é diversificar a cor das nossas escolhas para garantir diversidade nutritiva. 

 

Vou partilhando convosco as adaptações ao plano alimentar e as dicas que puderem servir para todos. 

 

O primeiro mito que deve cair é o seguinte : Uma grávida deve comer por dois. A meu ver deve comer para dois... e não por dois ;) 

É óbvio que este não é momento para pensar em perder peso, há muitas coisas com as quais temos de nos preocupar, mas também não devemos ser descuidadas ou deixar para depois os cuidados connosco. Tudo é mais fácil se for uma forma de estar na vida : positiva, cuidada, saudável e feliz! 

 

 

 

Para informações sobre consultas podem enviar e-mail para info@iararodrigues.com, caso queiram marcar basta ligarem para o 21 011 6410 ou 93 474 8192 

 

Facebook Dra. Iara Rodrigues. 

 

 

 

 

04
Mai16

Nespresso - Mitos e Curiosidades sobre Descafeinados.

Ana Gomes

Quem me conhece sabe que sou viciada em café. 

 

image.jpegimage.jpeg

 

image.jpeg

 

 

 

image.jpeg

 

Não importa o dia, a hora, o momento : eu beberia um café. 

 

Aliás... eu desloco-me por um café! E já aconteceu ir a casa "num instantinho" para mudar de roupa e beber um café. 

 

É um hábito, um gosto... não gosto de dizer que é um vicio. Mas até posso concordar que sim. 

 

Como saberão trabalho em casa e apesar de tentar encontrar novos espaços para estar há dias em que preciso mesmo de ficar concentrada no computador. E para além da coluna que me dá música e ajuda a passar o dia há a Nespresso que está sempre ligada. 

 

Como podem compreender tenho que dosear a quantidade de café que bebo... e se antes só bebia descafeinado de noite agora transferi esse hábito para aqueles momentos em que sei que já bebi cafeína suficiente... mas continuo a querer ter o prazer de um café. 

 

Querem desfazer alguns mitos sobre o descafeinado?! Então leiam este Verdadeiro e Falso. Mas só vale ler com um descafeinado Nespresso na mão para me dizerem se sentem a diferença para o café!  

 

MITO Nº1 - Os descafeinados não têm sabor. » Falso:

A Nespresso não produz simples cafés descafeinados, mas sim verdadeiros Grands Crus descafeinados. Estes possuem o mesmo perfil aromático dos restantes Grands Crus Nespresso. Os métodos de descafeinização utilizados pela Nespresso respeitam a natureza do grão de café, sem alterar a intensidade, diversidade e riqueza dos seus aromas.

MITO Nº2 – O descafeinado possui uma qualidade inferior à dos restantes cafés. » Falso:

A Nespresso utiliza grãos de café idênticos para criar os seus Grands Crus descafeinados, que se regem pelos mesmos padrões de qualidade de todos os cafés Nespresso. Apenas 1 a 2% da produção mundial de café possui os critérios de qualidade exigidos pela Nespresso, independentemente de ser café com cafeína ou descafeinado.

MITO Nº3 - Não gosto de descafeinado porque não é tão intenso. » Falso:

A intensidade de um café é completamente independente da percentagem de cafeína que contém; é o processo de torrefação que define a intensidade de um café. Isto significa que é durante a torrefação que se desenvolvem os aromas do café e cada Grand Cru possui o seu próprio perfil de torrefação.

MITO Nº4 - O descafeinado faz mal à saúde. » Falso:

A Nespresso elimina a cafeína sem alterar a qualidade natural do café, utilizando técnicas seletivas que respeitam o grão de café, sem solventes artificiais. Ao respeitar a verdadeira natureza do grão de café, os nossos Grands Crus Descafeinados são criados a partir dos melhores cafés do mundo, sem aditivos.

 

Para mais "mitos" basta seguir este link ;) 

 

 

*post escrito em parceria com a Nespresso. 

 

 

PUB

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Playlist Spotify

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D