Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Melhor Amiga da Barbie

08
Nov16

Dos Dias.

Ana Gomes

Este fim-de-semana foi óptimo! 

 

<

IMG_1093.JPG

 

No Sábado acordei cedo e fui ter com a minha prima para irmos ao Workshop da Martilicous

Como partilhei convosco andava há imenso tempo para conseguir estar presente num... e foi desta :) 

Aconselho mesmo a todas e todos os "curiosos". Este "módulo" foi de pequenos-almoços e lanches e aprendemos imensas receitas! É um programa giro se tiverem várias amigas com a mesma vontade de aprender porque no final sentamo-nos à mesa a provar as maravilhas que cozinhámos com a supervisão da Marta. 

 

Este Sábado aprendemos : 

- Pudim de Chia, Papas de Aveia, Barras De Cereais, Manteiga de Amendoim,Trufas Energéticas, Torradas de Batata Doce com Abacate ou Manteiga de Amendoim, Delicia de Açai, Crepioca com Puré de Fruta e Granola e Panquecas. Perdoem-me se não estou a usar os termos técnicos mas estou a dizer de cabeça e a salivar... ahaha

IMG_1094.JPG

 

IMG_1104.JPG

 

IMG_1166.JPG

 

Depois do Workshop fui até ao Lx Factory para espreitar o Organic Market. A minha Diana veio do Porto de propósito e aproveitei para matar saudades. Adoro que este tipo de iniciativas aconteçam ( tanto o mercado como a vinda da Diana ahah ) e fiquei muito feliz por perceber que há cada vez mais pessoas curiosas e preocupadas com a alimentação e um estilo de vida mais saudável e natural. 

 

Já vim para casa tardinho e fiz um jantar de petiscos e adormeci a ver séries de seguida de Modern Family! 

IMG_1131.JPG

 

No Domingo acordei super cedo - sem despertador - preparámos um sumo da INIU e fiquei horas a ler na cama. Só me levantei perto da hora de almoço para começar os preparativos para o mini Jantar de Família durante o jogo do Porto-Benfica. 

Fiz uma caminhada junto ao rio, almocei no Terreiro do Paço, subi a Rua Augusta e o Chiado e ainda parei no kaffehaus para dar um beijinho à Maf e à Catarina. 

 

No final do dia juntámo-nos em casa da minha Tia, sofremos com o jogo, comemos petiscos, combinámos o Natal e até tivemos direito a Pasteis de Nata encarnados - que comprei na loja oficial do Benfica. Iam-nos caindo mesmo mal não tivesse sido aquele golo libertador. 

IMG_1139.JPG

 

IMG_1161.JPG

 

IMG_1160.JPG

Agora é esperar que o resto da semana seja tão boa como o fim-de-semana :) 

 

 

 

 

07
Nov16

Receita : Panquecas de Banana e Panquecas de Cacau Sem Glúten - Martilicious Food.

Ana Gomes

IMG_1166.JPG

 

 
Este fim-de-semana fui - finalmente - a um Workshop da Marta  : Martilicious Food. 
Tinha imensa vontade de ir e acredito que se seguirem as redes sociais da Marta tenham a mesma vontade. Mesmo que não queiram aprender as receitas ( porque nem gostam assim tanto de cozinhar ) aposto que têm vontade de provar. 
Aprendemos imensas receitas mas hoje abro-vos o apetite com estas panquecas fofinhas. 
 
 
Panquecas de Banana e Panquecas de Cacau Sem Glúten.
 
 
Ingredientes ( serve cerca de 12 panquecas ) : 
 
1/2 chávena de farinha de arroz ( ou trigo sarraceno );
1 banana esmagada;
1 ovo biológico;
1 chávena de leite vegetal;
1 colher de sopa de óleo de côco derretido;
1/2 colher de chá de canela;
1 colher de chá de goma xantana ou fermento;
 
Opção Vegan : 
 
Substituir ovo por chia ou linhaça - Numa taça misturar 1 colher de sopa de chia ou linhaça em pó com 6 colheres de sopa de água e deixar repousar cerca de 10 minutos. A única diferença no resultado é render menos quantidade e não ficarem tão leves. 
 
Opção para Panquecas de Chocolate:
1 colher de sopa de Cacau Crú em pó
 
Opção para Panquecas de Maçã ou Pêra:
1 maçã ou pêra ralada sem pele ou 1/2 chávena de puré de maçã ou pêra
 
 
Misturar os ingredientes secos ( farinha, fermento e canela ) e os molhados ( banana, gema do ovo e leite ) e depois combinar ambos. Juntar a clara do ovo batida e deixar repousar por 20 minutos. 
 
Aquecer uma frigideira anti-aderente em lume médio. Cada panqueca leva cerca de uma colher e meia de sopa de massa. Cozinhar cerca de 2 minutos de cada lado ou até formar bolhinhas. 
 
Servir com fruta a gosta, manteiga de amendoim, mel ou xarope puro de ácer. 
 
 
29
Set16

Purés de Fruta Horta do Bairro ( receita de panquecas Martilicious )

Ana Gomes

Há umas semanas recebi uma mensagem que anunciava um novo produto. 

 

A Horta do Bairro ( uma frutaria incrível com porta aberta em Campo de Ourique ) ia lançar um produto próprio. Maravilhosas noticias : papas de fruta. 

Desde que me lembro de ser gente que há no meu frigorifico ( em casa dos meus pais quando éramos miudos e no meu desde que vivo sozinha ) purés de fruta. 

Gosto de os comer simples : super fresquinhos e saborosos. Atenção : sem açucares adicionados. 

14292269_1098301196926206_1834879081448742290_n.jp

 

 ( foto Martilicous )  

Várias vezes decidi "ser criativa" e juntar estes purés a iogurte natural, barrá-lo nas panquecas e cobri-lo de granola. A minha versão favorita de comer estes purés será sempre : bem frescos e simples. 

 

Têm a grande vantagem de não necessitarem de ser conservados no frio o que os torna um óptimo snack e super transportável. E existem em 6 sabores diferentes. É claro que agora serã os meus purés de eleição : prefiro sempre a produção local. 

 

É óbvio que a minha ideia de super criatividade nas utilizações dos Purés de Fruta da Horta do Bairro em nada se comparam com esta receita que a Marta - Martilicious - criou : 

 

1 embalagem de Puré de fruta (exemplo: pêra banana)
1/2 chávena de farinha de arroz
1/2 chávena leite de amêndoa 
1 colher de chá de goma xantana ou fermento 
1 colher de sopa de óleo de coco 
1 ovo biológico

 

 

 

 

11
Ago16

Pad Thai - prato favorito na Tailândia - e uma receita para experimentar.

Ana Gomes

Se comer saudável na Indónesia era uma tarefa muito simples o mesmo não se aplica na Tailândia.

Mãe, tenho imensas saudades das tuas sopas!

 

 

Por aqui tudo tem molho. Peço um chá frio e vem com leite condensado (apesar de pedir sem açúcar) e até uma "simples" omelete vem a nadar em molho agri-doce. Valha-nos a fruta e o marisco - que mesmo assim tenho receio de comer. Opções vegetarianas há muitas (ia escrever aos molhos mas seria redundante). Em caso de dúvida tenho optado por comer Pad Thai. Nunca falha! E sinceramente já comi versões bem saudáveis, em que os legumes se sobrepunham à massa (que é de arroz YEY ) e em que o molho era quase nenhum!

E é SEMPRE isso que como quando não quero pensar muito na refeição: Pad Thai! Começo inclusivamente a perceber que vai ser uma refeição que irá deixar saudades. A pensar nisso, e numa possibilidade de replicar a receita em Lisboa, lembrei-me de uma partilha da Marta - Martilicious - e fui-lhe pedir a receita empresta! 

Como podem perceber pela descrição ela ADORA picante. Eu... não! Mas podemos sempre gerir os condimentos, certo? 

 

pad-thai-thumb.jpg

 

( esta imagem foi retirada do Google e é meramente ilustrativa. )  

 

 

Para os Noodles:
Massa Soba 
Óleo para wok
1 ovo biológico 
Camarões cozidos 
Couve branca (ou chinesa)
Cogumelos brancos 
Courgete 
Cenoura 
Cebolinho 
Pimento vermelho
Coentros frescos 
Cajus torrados e sultanas 
Para temperar: molho Tamari, molho Pad Thai e Sweet Chili 
Cozi a massa segundo as instruções na embalagem. 
No wok deitar 1 colher de sopa de óleo, depois de quente deitar o ovo, mexer bem e deitar todos os legumes finamente picados. Mexer sempre bem e quando começarem a ficar tenros adicionar o tempero, os camarões, os cajus e sultanas, os Noodles e envolver bem. Servir com coentros e molho de Sweet Chili por cima para extra picante (que eu adoro). 
Bom apetite!

 

( Obrigada Marta! ) 

 

 

13
Mai16

Rubrica RFM - Café da Manhã Saudável com Martilicious

Ana Gomes

A rubrica de hoje é bem diferente. A Marta foi a nossa convidada e trouxe não só um café da manhã delicioso e saudável como... muita inspiração! 

 

IMG_3555.JPGConheço a Marta há algum tempo - aliás já vos falei aqui da sua super granola - mas acho mesmo interessante a forma como uma paixão por comida se torna em algo tão bonito! Há cuidado na escolha dos ingredientes, muita inteligência na mistura e um aspecto soberbo. E eu defendo muito que um prato bonito faz com que uma escolha saudável seja mais fácil : essencialmente para quem não está habituado a refeições diferentes ou com ingredientes menos comuns - factor que felizmente se tem vindo a alterar. 

 

A maioria dos pratos que confecciona são isentos de lactose, glúten ou açucares processados e isso... é música para os nossos ouvidos! 

 

Podem seguir as receitas da Marta no Facebook e Instagram : basta procurar o nome MARTILICIOUS e sugiro que participem num dos workshops que dinamize ou agendem um workshop privado para receitas e dicas maravilhosas! Para já podem começar a babar com as estas imagens : 

 

 

IMG_4188.JPG

 

 

Happiness Bowl

 

Ingredientes para o purê:

1 banana

1 abacate

1 laranja

½ manga

Canela a gosto

Opcional: 1 colher de sopa de proteina de canhâmo, baobab, despertar do buda ou qualquer suplemento

 

Retirar a casca da banana, da laranja, da manga e do abacate e colocar  no processador com a canela (podem ser inteiras) e triturar até formar um purê. Servir no prato com fruta cortada a gosto e Granola Martilicious

IMG_4212.JPG

 

 

Pudim de Chia de Limão e Côco

Ingredientes:

2 colher de sopa de sementes de chia
1 chávena de leite de côco

Raspa de ½ limão 
Sumo de ¼  limão 
¼ vagem de baunilha 

¼ chávena de côco ralado
1 colher de sopa de xarope de ácer puro (ou outro adoçante) 

1 colher de chá de Lucuma (opcional)


Combinar todos os ingredientes numa tigela, misturar e deixar repousar meia hora no frigorífico. 
Servir com framboesas, mirtilos e Granola Martilicious. 

 

Nota: A base para qualquer pudim de chia é 2 colheres de sopa de sementes de chia para 1 chávena (250ml) de liquido. Fica pronto de um dia para o outro ou em 4h (depende de quão liquido é o produto que estão a usar)

Esta quantidade e consistência do purê varia conforme a consistência do liquido. Os mais cremosos (leite de amêndoa, leite de côco espesso, leite de soja biológica) ficam melhor, na minha opinião. Os mais liquidos (leite de arroz, leite de aveia, leite de côco) ficam mais aguados.

Caso utilizem iogurts então é 1 colher de sopa de sementes de chia por 1 iogurt de 125gr.

Dica: façam somente a base e no dia a seguir decidam que sabor adicionar

 

Combinações/ Sabores: (também funcionam para as overnight oats)

Banana: esmagar uma banana e acrescentar à mistura (logo de inicio ou no dia seguinte. Para a opção banofee acrescentar tâmaras cortadas.

Açaí: acrescentar uma bola de gelado de açaí ou 1 colher de sopa de açaí em pó e 1 colher de sopa de adoçante (na opção de utilizar o açaí em pó)

Maçã: acrescentar 1 maçã ralada ou 1 colher de sopa de purê de maçã, 1 colher de sopa de adoçante e 1 colher de café de canela

Cacau: acrescentar  1 banana esmagada e 1 colher de sopa de cacau crú em pó

Frutos vermelhos: fazer um purê com os frutos que quiser no processador e acrescentar ao pudim

IMG_4213.JPG

 

 

23
Jun15

Esqueçam o Bolo de Mel... Gran'All é o docinho da Madeira.

Ana Gomes

Ainda há umas horinhas vos falei de iogurtes... e cá estou eu de novo a falar de comida.

Mas faz sentido já que falamos de uma das minhas conjugações preferidas : iogurte e GRANOLA.

Já sabemos que em exagero nada funciona muito bem... mas nas doses certas a granola é uma óptima opção para refeições. O problema é que gosto tanto.. mas tanto que tenho de esconder os frasquinhos para ver se me esqueço que aquela mistura de cereais e frutos secos está ali na cozinha. 

granola.jpg

Não me bastava  ter uma receita ainda tenho de ver as maravilhas que a Marta faz com as receitas dela... e agora até vos posso dizer : esqueçam a Poncha, o Bolo de Mel ou as Lapas. A nova iguaria madeirense chama-se Gran'all e claro está.. é Granola. A grande particularidade é que para além das versões doces ( provei chocolate e arandos vermelhos - Toulouse e adorei ) existem versões salgadas! Imagem por exemplo um ovo mexido com pedacinhos crocantes de aveia, nozes, passas, alecrim, sementes de abóbora e de linhaça - vulgo Casablanca ). Pois.. foi assim que comi e foi assim que me viciei. 

 

E como é que descobri esta granola? Porque as mãos por trás destas misturas são as da Ana Gregório... a "menina" que veio propositadamente da Madeira para ser modelo de antes e depois do meu grupo na pós-graduação de consultoria de imagem. Nunca mais lhe perdi o rasto e ainda bem :) 

E desculpem a confidência mas acho estas histórias de proximidade tão engraçadas que não resisto em partilhar. 

 

Por agora vou continuar a babar-me para fotos de iogurte com granola na internet. 

granola2.jpg

granola3.jpg

 

(imagens pinterest). 

 

 

 

PUB

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Playlist Spotify

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D