Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Melhor Amiga da Barbie

09
Ago17

Os primeiros dentes - e Camilia a solução homeopática.

Ana Gomes

Ser recém-nascido deve ser dos momentos mais duros da nossa existência.
Basicamente passamos de um meio físico para outro e tudo passa a ser novidade. De um momento para o outro temos um pequeno ser nas nossas mãos que nada sabe sobre este mundo e sobre todas as novas sensações. 
É por isso que entendo tudo isto como uma aprendizagem: para nós e para eles. E é por isso que me custa entender o colo como manha ou a necessidade da mãe como mimo. Sou tão crente nas coisas que nos trazem conforto que compreendo esta necessidade de tranquilização dos bebés. 
Sempre ouvi falar das cólicas mas nunca realizei como seriam um processo tão doloroso (experimentem ter a vossa criança a contorcer-se nos vossos braços sem a conseguirem aliviar). Acresce a isto a incapacidade de nos explicarmos ou de eles nos explicarem o que sentem. Não os conseguimos confortar, consolar ou perceber de que forma poderíamos minimizar o seu sofrimento. 
Felizmente as cólicas estão bem mais calmas por aqui - existem... mas nunca mais tivemos um dia inteiro de choro e aflição - mas claro que já me disseram : passam as cólicas... começam os problemas com os dentes. 

Eu coloco muitos pontos de interrogação a tudo o que são medicamentos. Pela minha experiência pessoal devemos medir muito bem as consequências da utilização dos mesmos e as alternativas que existem para solucionar os problemas. Quando me dói a cabeça não vou a correr tomar um paracetamol, por exemplo, porque sei que me posso tentar ajudar de outra forma e não estou a sobrecarregar outros órgãos do meu corpo com a medicação. Durante a gravidez recorri sempre a soluções homeopáticas - quer para minimizar as insónias quer para o reforço de magnésio para controlar as contrações - prescritos pela minha obstetra - e decidi que nos momentos em que isso fosse possível iria utilizar o mesmo tipo de soluções para a Vitória.  

Se no que diz respeito às cólicas eu fui completamente apanhada desprevenida, conto que com os dentes não seja assim. Há uns meses ouvi falar do Camilia (dos laboratórios Boiron ) mas a questão ainda estava bem distante. De qualquer forma anotei a referência e percebi que existe inclusive um micro site onde podemos saber mais sobre esta fase e sobre o produto.

 Para já sei que devo estar atenta a estes sinais : 
- Agitação, insónias e irritabilidade;
- Salivação Excessiva;
- Gengivas Inflamadas;
- Puxar de Orelhas;
- Necessidade de Morder;
- Faces Rosadas;
- Alterações de apetite;
- As cólicas podem voltar, podem acontecer febres e diarreia. 

 

Captura de ecrã 2017-07-24, às 10.30.23.png

 

 

 

 

 

 

Como funciona o Camilia? Este slide ajuda a explicar melhor :Captura de ecrã 2017-07-24, às 10.32.25.png


Assim que usar passo-vos o meu feedback de experiência. Quero muito que a Vi sofra o menos possível e que isto seja o último recurso.

Partilham as vossas dicas para esta fase que se avizinha? Eu já comprei um colar de âmbar para mim ;)  

<!— PIXEL JS —>

<!—PIXEL JS—>

17
Jun15

Saúde Oral! Dicas do Dr. Pedro Coelho e antes e depois do branqueamento.

Ana Gomes

dr.pedrocoelho.jpg

 

 

A saúde e o bem-estar são a primeira porta para uma vida em beleza. 

Podemos usar muito do nosso tempo em roupas em acessórios... mas se não formos pessoas minimamente saudáveis está tudo comprometido. 

Não adoro ir ao médico. Não tenho qualquer problema em recorrer à ajuda de um profissional - e agradeço MUITO a existência de pessoas que se dedicam a ajudar os outros - mas... prefiro ir em caso de necessidade. Existem ainda assim especialidades que requerem visitas de rotina para além da atenção que devemos ter a todos os sinais que o nosso corpo nos dá. 

Quando era mais nova usei aparelho nos dentes e ia todos os meses à cadeira maravilha... mas confesso que por não ter cáries e por ter uns dentes fortes tenho-me esquivado de ir ao dentista ultimamente. A minha tia que é assistente dentária já me andava a dizer que devia ir limpar o tártaro... mas já lá tinha estado à 6 meses por isso não estava muito preocupada. 

 

Até que fui parar ao consultório do Dr. Pedro Coelho e depois de uma limpeza de rotina foi-me feita a sugestão do branqueamento! E para mim fazia todo o sentido avançar com isso. Fiz uma medicação que me deixou os dentes bem amarelos e a quantidade de café que bebo por dia também não ajudavam à festa. 

 

Passado uma semana voltei ao consultório e duas horas depois a diferença era notória! Para além do tratamento em gabinete trouxe um molde para continuar o tratamento em casa. 

 

Partilho convosco as fotos do antes e depois ( não são super bonitas.. mas aqui o que importa é que entendam a diferença ) e também algumas perguntas que fiz ao Dr. Pedro Coelho e que penso que podem ser do vosso interesse. 

 

P4233724.JPGP4233726.JPG

 

 

Qual a frequência indicada para marcar consulta ( numa situação normal de rotina )? 

 

Dr. Pedro Coelho : A frequência das consultas de rotina varia consoante a situação individual de cada pessoa. Eu costumo aconselhar os meus pacientes fumadores ou com maior propensão para ganhar tártaro ou cáries a visitar-nos a cada 6 meses, enquanto pessoas não fumadoras e com boa higiene oral podem vir apenas 1 vez por ano. Por outro lado, paciente que apresentem problemas gengivais devem visitar-nos de 4 em 4 meses.

 

Quais os cuidados básicos a ter em casa para uma correcta higiene oral?

 

Dr. Pedro Coelho : A higiene é o grande segredo para manter uma dentição saudável ou prolongar a longevidade de um tratamento ou reabilitação oral. Como mínimo, deve-se escovar os dentes 2 vezes por dia, de manhã e ao deitar (nunca se deve dormir com os dentes sujos!), utilizando uma técnica de escovagem correcta, que escove não só as superfícies dentárias, mas também as gengivas e o sulco gengival que faz a transição entre os dentes e as gengivas. No entanto, por melhor que se escove os dentes, não se consegue escovar os espaços interdentários, pelo que é imprescindível a higienização destas zonas utilizando o fio dentário, escovilhões ou jactos de água sob pressão.

 

Quais os melhores dentífricos? ( falo de características e não de marcas )

 

Dr. Pedro Coelho : A não ser que seja para tratamento de algum problema específico (ex: doença gengival ou sensibilidade dentária), o melhor dentífrico será aquele que na sua constituição contenha flúor e seja o menos abrasivo possível.

 

Caso não seja possível lavar os dentes no imediato existe algum alimento que ajude na limpeza? ( fala-se das maçãs por exemplo ) 

 

Dr. Pedro Coelho : Algumas frutas ou vegetais, como por exemplo, maçãs ou cenouras, podem ajudar a remover restos de comida dos dentes após uma refeição. Um boa dica, quando não conseguimos higienizar os dentes após comer, é mastigar uma pastilha elástica sem açúcar durante 5 a 10 minutos, pois ajuda a limpar remanescentes alimentares. 

 

Quais as pessoas que podem fazer branqueamento ? Existem casos em que não é possível fazer? 

 

Dr. Pedro Coelho : O branqueamento dentário pode ser realizado por qualquer pessoa em idade adulta que não apresente patologias activas que necessitem de tratamento prévio. Não existem outras contra-indicações e o único efeito secundário que pode existir, durante o tratamento e variável de pessoa para pessoa, se for utilizada uma técnica correcta e produtos seguros, é sensibilidade dentária, que desaparece após a finalização do tratamento.

 

Dicas para manter o efeito do tratamento? 

 

Dr. Pedro Coelho : Para melhores resultados, no período de duração do branqueamento, não se devem ingerir alimentos sólidos ou líquidos que apresentem pigmentos que possam voltar a manchar os dentes (ex: café, vinho tinto, molhos, etc), nem se deve fumar. Existe tendência para ocorrer algum retrocesso do branqueamento com o tempo, pelo que deve ser realizada uma manutenção periódica do mesmo.

 

Quais os preços em média? 

 

Dr . Pedro Coelho : Os preços são muito variáveis, mas em média diria que podem oscilar entre os 200€ e 500€.

 

 

Espero sinceramente que estas dicas vos possam ser úteis! ;) 

 

Contactos Clínica Dr. Pedro Coelho : 

Rua Doutor José da Cunha 27A
Oeiras
 
214407267 / 966012055 / Urgências (fora do horário de atendimento): 934798274

Link Facebook.

 

PUB

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Playlist Spotify

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D